Com Paulista lotada, Lula diz que voltaria ao governo com ‘paz e amor’

lulaEm manifestação com a avenida Paulista repleta nesta sexta-feira, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silvaafirmou que aceitou o cargo de ministro-chefe da Casa Civil do governo Dilma Rousseff para tentar instalar a paz.

De acordo com levantamento da CUT (Central Única dos Trabalhadores), mais de 250 mil pessoas participam de ato pela democracia na Avenida Paulista, em São Paulo. Até as 20h, não havia um levantamento da Polícia Militar (PM). Aconteceram manifestações em todos os estados do país e no Distrito Federal.

Former Brazilian President Luiz Inacio Lula da Silva participates in a rally of Unionists and members of the Workers Party (PT) to support him, in downtown Sao Paulo, Brazil on March 18, 2016. A Brazilian court cleared ex-president Lula da Silva Friday to start work as chief of staff to his embattled successor Dilma Rousseff, overturning an injunction blocking his appointment. AFP PHOTO / NELSON ALMEIDA / AFP / NELSON ALMEIDA (Photo credit should read NELSON ALMEIDA/AFP/Getty Images)

© NELSON ALMEIDA via Getty Images Former Brazilian President Luiz Inacio Lula da Silva participates in a rally of Unionists and members of the Workers Party (PT) to support him, in downtown Sao Paulo, Brazil on March 18, 2016. A Brazi…

“Eu entrei para ajudar a presidenta Dilma porque acho que a gente tem que restabelecer a paz para provar que esse país é maior que qualquer crime no planeta terra, que vai crescer e sobreviver.”

Para ele, os opositores têm o direito de se manifestarem, mas que os opositores políticos não aceitaram os resultados das eleições e que eles pregam violência.

“Tem gente que prega a violência contra nós 24 horas por dia. Tem gente nesse país que falava em democracia da boca para fora. Eu pedi eleição em 1989, em 1994, em 1998. Já tinha perdido em 1982 para o governo de São Paulo. Em nenhum momento vocês viram eu ir para a rua protestar contra quem ganhou.”

Fonte: MSN Notícias

Deixar um comentário