Nova Cruz/RN -

Usinas de etanol de três estados estão prontas para venda direta aos postos

As usinas de Pernambuco, Alagoas e Sergipe, que iniciaram a safra 2018/2019 esta semana, já estão preparadas para a venda direta de etanol aos postos. Até definiram com as secretarias de Fazenda a logística fiscal, preservando integralmente os impostos. A Agência Nacional do Petróleo (ANP) ainda não revogou sua regra

suspeita, prestes a ser anulada no Congresso ou na Justiça Federal, que obriga os produtores a venderem etanol só às distribuidoras de combustíveis. A informação é da Coluna Cláudio Humberto, do Diário do Poder.

As distribuidoras/atravessadoras cobram dos postos o dobro e até o triplo do valor que pagam pelos combustíveis às usinas e às refinarias.

A proibição da venda direta do etanol e da gasolina aos postos, desde 2009, é tão suspeita que tem tudo para virar operação policial.

Além de indecorosa, a regra da ANP desrespeita o artigo 170 da Constituição, que garante o direito à livre concorrência.

Fátima Bezerra, Zenaide e Alexandre Motta começam nova etapa da ‘Caravana do Coração’ e percorrerão 38 municípios

A senadora-candidata Fátima Bezerra (PT) segue hoje com a segunda etapa de sua ‘Caravana do Coração’.

Acompanhada dos candidatos ao Senado Zenaide (PHS) e Alexandre Motta (PT), a caravana vai percorrer 38 cidades do estado.

A caravana saiu de Parnamirim e hoje segue por São José de Mipibu, Nísia Floresta, Georgino Avelino, Arês, Goianinha, Canguaretama, Pedro Velho, Montanhas e Nova Cruz.

Amanhã o roteiro inclui Monte das Gamaleiras, Serra de São Bento, Passa e Fica, Lagoa Dantas, São José do Campestre, Tangará, Santa Cruz, Lajes Pintada, Campo Redondo e Currais Novos.

Na sexta-feira a Caravana percorrerá as cidades de Cruzeta, Acari, Carnaúba dos Dantas e Parelhas.

No sábado os candidatos passarão por Equador, Santana do Seridó, Ouro Branco, Ipueira, São João do Sabugi, Caicó (onde haverá carreata), Jardim de Piranhas e Serra Negra do Norte.

Em Serra Negra, Fátima e sua comitiva participarão do encontro de sanfoneiros e da abertura da Festa do Agricultor.

Em Parnamirim, a senadora Zenaide e o deputado estadual Carlos Augusto Maia (PHS)..

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo

Fonte:Blog Thaísa Galvão

ENTREVISTA: Jair Bolsonaro no Jornal Nacional da Globo

Governo inicia folha de pagamento a partir de sexta (31)

O Governo do Estado paga a partir de sexta (31) os salários de agosto do funcionalismo. Na sexta (31) recebem os servidores da Educação, DETRAN, IPERN, IDEMA, JUCERN, DEI e ARSEP. Na quinta (06) recebem os servidores da área de segurança: SESED, SEJUC, PC, PM, CBM, ITEP e policiais do GAC e da Vice-Gov (ativos, reformados e pensionistas). Ainda na quinta (06) recebem todos os servidores ativos da Saúde, independente da faixa salarial, e os servidores ativos e inativos das demais secretarias que ganham até R$ 4 mil. Na segunda (10) recebem todos os demais servidores que ganham acima de R$ 4 mil, totalizando *100% da folha de agosto paga*. O décimo-terceiro já foi pago para 75% dos servidores, sendo *81% pago no caso dos policiais militares*. Sobre os 25% restantes do décimo, para salários acima de R$ 4 mil, o Governo informa que segue acompanhando as receitas, para anunciar *em breve* a finalização do pagamento.

Jair Bolsonaro fez do JN sua ‘plataforma de tiro’ e atropelou a bancada

POR JOSIAS DE SOUZA

“A mesa é giratória, avisou William Bonner, recomendando a Jair Bolsonaro que ocupasse sua cadeira “com cuidado”. O capitão exonerou o anfitrião de suas preocupações: “Isso aqui tá parecendo uma plataforma de tiro de artilharia. Então, estou confortável aqui.” Elevado à categoria de mito por 22% do eleitorado, o imponderável carregava suas virtudes no coldre. Não tinha respostas a oferecer. Distribuiu rajadas. Mostrou que, bem treinado, adapta-se a qualquer cenário —ao Vietnã das redes sociais tanto quanto à trincheira da Rede Globo.

Bonner quis saber, por exemplo, como o entrevistado faria para combater a violência com “mais violência” sem ferir a “gente honesta e trabalhadora” que vive nas favelas brasileiras. Sem piscar e sem remorsos, Bolsonaro reiterou que o policial tem que ter licença para “ir com tudo para cima” dos bandidos. “…Se matar dez, 15 ou 20 —com dez ou 30 tiros cada um, ele tem que ser condecorado e não processado.”

Em certos momentos, Bolsonaro parecia não enxergar entrevistadores à sua frente. Não falava para Bonner e Renata Vasconcelos. Dirigia sua mensagem à plateia que o assistia em casa. Não chegou ao topo das pesquisas entregando-se a dúvidas ético-existenciais sobre o direito de um presidente de exterminar a bandidagem. A violência é o próprio pretexto para Bolsonaro. E o eleitorado do capitão, na frente do televisor, eliminando o inimigo sem sair do sofá. Matando de mãos limpas, com o auxílio luxuoso da “plataforma de tiro” do Jornal Nacional.

A surra que tomou de Marina Silva no debate da Rede TV! deixou Bolsonaro em estado de alerta. Treinado, foi à jugular de Renata Vasconcelos quando indagado sobre a desigualdade de gênero. Chegando ao Planalto, não fará nada para evitar que mulheres recebam contracheques 25% menores que os dos homens?

Confrontado com suas contradições, Bolsonaro recorreu a uma velha tática de guerra: semeou a cizânia nas fileiras do inimigo. “Estou vendo aqui uma senhora e um senhor, eu não sei ao certo, mas com toda certeza há uma diferença salarial aqui, parece que é muito maior para ele do que para a senhora…”

Antes que Bonner balbuciasse uma resposta, Renata viu-se compelida a tomar as rédeas da reação: “…Vou interromper vocês dois. Eu poderia até, como cidadã, e como qualquer cidadão brasileiro, fazer questionamentos sobre os seus proventos, porque o senhor é um funcionário público, deputado há 27 anos, e eu, como contribuinte, ajudo a pagar o seu salário. O meu salário não diz respeito a ninguém. E eu posso garantir ao senhor, como mulher, que eu jamais aceitaria receber um salário menor de um homem que exercesse as mesmas funções e atribuições que eu.”

Como que decidido a evitar que a jornalista virasse uma segunda Marina Silva, Bolsonaro preocupou-se em dar a última palavra. Insinuou que há dinheiro público também nos vencimentos dos entrevistadores: “Vocês vivem em grande parte aqui de recursos da União. São bilhões que recebem o sistema Globo, de recursos da propaganda oficial do governo.”

Bolsonaro não estava interessado em redimir-se de eventuais pecados. Convencido de que seus eleitores perdoam tudo, queria dividir culpas. Como pode se apresentar como um cultor de novas práticas se recebeu auxílio-moradia da Câmara mesmo tendo apartamento em Brasília?, quis saber Renata. E Bolsonaro: “Agora, vão me desqualificar por ter recebido auxílio-moradia, que é legal, como a ‘pejotização’ de vocês também é legal?”

Diante da insistência da entrevistadora, Bolsonaro aproveitou a audiência do telejornal mais assistido do país para divulgar um anúncio da sessão de imóveis: “Meu apartamento está à venda. Quem quiser comprar está à disposição. Agora estou morando num funcional”, disse, antes de insinuar novamente que os jornalistas também recorrem a subterfúgios legais para pagar menos imposto: “A forma de vocês receberem por PJ (Pessoa Jurídica) também é legal. Está na lei. E eu não estou criticando isso aí.”

Imunizado contra o veneno de sua dependência em relação ao economista Paulo Guedes, Bolsonaro ensaiara também a resposta para a previsível pergunta sobre os riscos de uma separação. Provocado por Bonner, o candidato injetou na resposta um sujeito oculto: Fátima Bernardes.

“Bonner, quando nós nos casamos —eu com a minha esposa, você com a sua— nós juramos fidelidade eterna. E aconteceu um problema no meio do caminho, que não cabe a ninguém discutir esse assunto. Duvido, pelo que conheço de Paulo Guedes, (…) que esse descasamento venha, esse divórcio venha a acontecer.”

E se acontecer? “O único insubstituível nessa história sou eu, que daí troca todo o ministério. Fora isso, se por ventura vier a acontecer, pode ter certeza, né?, que não será por um capricho meu ou o capricho dele. Que nós estamos imbuídos, eu e Paulo Guedes estamos imbuídos, em buscar dias melhores para o nosso Brasil. E nós não queremos uma aventura nesse processo.”

No final da entrevista, Bonner questionou Bolsonaro sobre a pregação intervencionista do seu vice, o general Hamilton Mourão. “Vou ler aqui a frase dele: ‘Os poderes terão que buscar solução. Se não conseguirem, chegará a hora que nós teremos que impor uma solução’. (…) Que solução seria essa que os militares teriam que impor ao Brasil?” E o capitão: “Isso aconteceu em 64, e na forma da lei…” Bonner perdeu até a noção do tempo: “Nós estamos em 2021, candidato.”

Bolsonaro ensaiou uma defesa do golpe militar. Bonner atalhou: “Os historiadores sérios se referem a 1964, candidato, como um golpe militar…” A cena seguinte deixaria o entrevistador surpreso. Repetindo algo que fizera em sabatina da Globonews, o capitão escorou sua retórica num editorial escrito pelo fundador do Grupo Globo há 34 anos. “O senhor vai repetir isso?”, reagiu Bonner. Bolsonaro não se deu por achado: “…Deixa os historiadores pra lá. Eu fico com Roberto Marinho, o que ele declarou no dia 7 de outubro de 1984, vou repetir aqui.”

Bolsonaro recitou de cor o texto de Marinho: “Participamos da revolução democrática de 1964, identificados com os anseios nacionais de preservação das instituições democráticas, ameaçadas pela radicalização ideológica, distúrbios sociais, greves e corrupção generalizada”. E completou: “Repito a pergunta aqui: Roberto Marinho foi um ditador ou um democrata? É a história…”

Está virando uma praxe. Pela segunda vez, o capitão empurrou a Globo para a defensiva. Assim como a sabatina da TV por assinatura, a entrevista no canal aberto terminou com uma nota de esclarecimento: “…O candidato Bolsonaro esqueceu-se, porém, de dizer que, em 30 de agosto de 2013, O Globo publicou editorial em que reconheceu que o apoio editorial ao golpe de 1964 foi um erro…”

Bolsonaro aproveitou a “plataforma de tiro” da Globo para disparar mensagens repetidas aos seus fieis. Com ridículos oito segundos no horário eleitoral que começará a ser veiculado no sábado, ganhou de presente 27 minutos de vitrine nacional. Seu sucesso representa a decadência do sistema político. A dúvida é se Bolsonaro conseguirá amplificar o discurso para além do cercadinho em que está confinado o seu rebanho.

Os convertidos que deram a Bolsonaro o prestígio que o levou ao Jornal Nacional parecem decididos a promover um encontro da política com os seus limites. Os adversários do capitão colocam a culpa no povo, que ainda não aprendeu a votar.

O diabo é que as pesquisas informam que o capitão está bem posto nos nichos mais escolarizados e endinheirados do eleitorado. Nesse universo, há muita gente que está tão ocupada fazendo a história que não consegue compreendê-la. Há pessoas que querem virar a página de qualquer jeito. Nem que seja para trás. O cardápio de candidatos estimula a autoflagelação.

Conheça as doenças que estão ressurgindo no Brasil

Foto: Folha Vitória

Doenças eliminadas ou com baixa circulação no Brasil, como o sarampo, a difteria e a poliomielite, voltam a ser motivo de preocupação. De acordo com o Ministério da Saúde, as baixas coberturas vacinais, principalmente em crianças menores de cinco anos de idade, acenderam um “alerta” no país. Diversas vacinas estão disponíveis gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), mas a cobertura está abaixo do recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Em 2016, o país recebeu da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS/OMS) um certificado de eliminação da circulação do vírus do sarampo no Brasil. Porém, desde fevereiro deste ano, devido à baixa cobertura vacinal, há diversos casos da doença sendo registrados no Amazonas e em Roraima. Até o dia 27 de julho, foram confirmados 444 casos de sarampo no Amazonas e mais de 2.500 estão em investigação.

Em Roraima, 216 casos foram confirmados e 160 ainda em investigação. Além disso, alguns casos foram confirmados também em São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Rondônia.

Outra doença já eliminada do país, mas com risco de ressurgimento é a poliomielite, conhecida como paralisia infantil. A cobertura vacinal para prevenção da doença já está abaixo de 50% em 312 municípios brasileiros.

A Doença Pneumocócica, causada pelo Streptococcus pneumoniae (pneumococo), é uma das principais causas de morbidade e mortalidade em todo o mundo e também está com a cobertura vacinal abaixo do recomendado no país.

Dados do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (Datasus), atualizado em fevereiro de 2018, apontam que a cobertura vacinal do esquema primário para a prevenção da Doença Pneumocócica chegou a 85% em 2017 e da dose de reforço a apenas 74% ,5,6 apesar da vacina ser gratuita nos postos de saúde para crianças menores de cinco anos. Comparando com 2016, houve uma queda de 10 pontos percentuais no país, quando a cobertura era de 95% para a primeira dose e 84,10% para a de reforço.5

Doença Pneumocócica

O pneumococo causa doenças que atingem o sistema respiratório, a corrente sanguínea, e o cérebro, e são classificadas em dois tipos: Doença Pneumocócica Invasiva (DPI) – meningite, pneumonia bateriêmica e sepse, – e Doenças Não Invasivas (DNI), consideradas mais leves, que incluem otite média e a pneumonia não bacteriêmica.

As doenças pneumocócicas invasivas podem deixar sequelas graves ou até levar o paciente a óbito. A bacteremia (quando a doença atinge o sangue) e a meningite são as formas mais graves da doença. Cerca de 1 em 100 crianças com bacteremia, vão a óbito. Já com a meningite, este número é ainda mais impactante, sendo 1 óbito para cada 15 casos de infecção.

Transmissão

Qualquer pessoa pode ser afetada pela doença pneumocócica, mas crianças com até dois anos de idade, idosos, lactentes e pessoas com doenças crônicas e baixa imunidade são as mais vulneráveis. A bactéria (pneumococo) pode ser transmitida através da tosse, espirro ou por objetos contaminados de pessoas que contraíram a doença ou que estão com a bactéria, mas não apresentam sintomas. É comum que pessoas, principalmente crianças, sejam portadores e transmitam a doença, mesmo sem adoecer.

Prevenção

A forma mais eficiente de prevenir as doenças pneumocócicas em crianças é com a vacinação. O Calendário de Vacinação do Programa Nacional de Imunizações (PNI) recomenda a administração de duas doses da Vacina Pneumocócia 10-valente (conjugada) idealmente aos 2 meses e aos 4 meses de idade e uma dose de reforço aos 12 meses. Já a Sociedade Brasileira de Imunizações (SBIm) e a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) recomendam a vacinação contra a doença pneumocócica em um esquema de três doses – 1ª aos 2 meses, 2ª aos 4 meses e a 3ª aos 6 meses de idade – e uma dose de reforço entre os 12 e 15 meses de idade.

A vacina Pneumocócia 10-valente (conjugada) está disponível gratuitamente nos postos de saúde para crianças menores de cinco anos.

R7, com Folha Vitória

“É hora de todo brasileiro se mover. Quero dar minha contribuição”, afirma Geraldo Melo em entrevista

Em entrevista concedida nesta segunda-feira (27) a rádio 95 FM, o candidato ao Senado Geraldo Melo (PSDB) apresentou ideias, posicionamento e respondeu às perguntas dos ouvintes. Durante a conversa, Geraldo enfatizou que temas como segurança pública, aumento da violência e combate à corrupção serão priorizados durante o seu mandato, caso seja eleito, e explicou os motivos que o fizeram retornar à política.

“Não estamos satisfeitos com o Brasil, ninguém está. Eu estou disposto a trabalhar. Tenho experiência, conhecimento e disposição para lutar e colaborar para melhorar a atual situação. Quero dar minha contribuição na construção de um país novo. É hora de todo cidadão brasileiro se mover, e também pensar como melhorar nosso Estado e país. Se o povo me der essa oportunidade eu vou poder trabalhar, sobretudo, nas áreas de segurança pública e do combate a corrupção. Não podemos ficar de braços cruzados”, disse Geraldo.

Geraldo também relembrou sua trajetória política, destacando sua atuação e conduta enquanto esteve governador do Rio Grande do Norte e Senador da Republica. “Eu gosto de dizer que tenho as mãos limpas. Por onde passei cumpri meu dever. Eu não tenho nada em minha vida pública que preciso esconder de ninguém,” enfatizou.

Durante a entrevista, Geraldo foi questionado sobre projetos em relação a criação de emprego e renda, e apresentou campos essenciais que devem ser discutidos para fortalecer a economia do Estado. “O sistema econômico é quem deve criar empregos. Aqui no Rio Grande do Norte, por exemplo, somos produtores de petróleo, eu defendo a cobrança do ICMS no estado produtor. Também, somos, hoje, grandes exportadores de energia eólica. É necessário fortalecer este setor, pois é esta atividade que fixa agricultor no interior e gera empregos de maneira difusa em todo o Estado”, explicou Geraldo, reafirmando que vai defender e debater medidas que garantam a reativação da receita tributária do Estado e colaborem para o equilíbrio fiscal, melhorando as fontes de renda do Estado e a oferta de empregos aos norte-rio-grandenses.

João Maia fala para multidão no lançamento da campanha de Ubaldo em Natal

O Imperium Music, localizado na Praia do Meio, em Natal, ficou pequeno para receber uma multidão na noite de sábado (25). Pessoas de todas as partes do Estado foram prestigiar o lançamento da campanha de Ubaldo, candidato a deputado estadual. O candidato a deputado federal João Maia (PR) estava presente.

João Maia e Ubaldo Fernandes (MDB) chegaram juntos ao local do evento. Ao discursar, João Maia enfatizou que a missão do político sério é servir a sua terra e ao seu povo.  Em seguida, João Maia lembrou que a história de superação e conquista de Ubaldo é bem semelhante com a sua. “Eu e Ubaldo temos algo em comum: Sabemos o que é lutar, perseverar e vencer”, destacou.

Neste domingo (26), João Maia fará caminhada na feira livre de Luís Gomes, região Oeste. À tarde, será a vez de visitar Jardim de Piranhas, sua terra Natal, quando participará de uma carreta pelas ruas da cidade e encerrará a programação prestigiará uma carreata à noite na cidade de São Fernando.

FESTÃO: Caravana da Verdade mobiliza cidades do Agreste no domingo

Multidão lotou ruas e avenidas nos municípios de Goianinha, Espírito Santo e Passa e Fica, numa grande demonstração de esperança na continuidade da gestão de Robinson Faria

Domingo lotado na região Agreste, durante a Festa da Democracia, que trouxe a Caravana da Verdade, da coligação Trabalho e Superação, encabeçada pelo candidato à reeleição ao Governo do RN, Robinson Faria (PSD), e seu vice, Tião Couto (PR). A manifestação de apoio e carinho ocorreu em três cidades e terminou em um grande comício em Passa e Fica.

Durante à tarde, antes do comício, Robinson esteve em Goianinha. O que era para ser uma reunião política se tornou um grande encontro popular em que a população local aclamou Robinson como futuro governador, em uma demonstração de prestígio do candidato-governador junto ao prefeito Berg Lisboa (PSD), que destacou inúmeras bem feitorias que Robinson realizou no município, proclamando em seguida a vitória da coligação 55 nas eleições. “Peço a cada um que multiplique seu voto, valorizando quem valorizou e vai valorizar ainda mais a gente”.

Ao seguir para Passa e Fica, a Caravana da Verdade fez parada no município de Espírito Santo, onde uma multidão aguardava Robinson. Uma passeata improvisada foi realizada pelas ruas da cidade, que ficaram lotadas por onde a comitiva passou.

Em Passa e Fica, a concentração ocorreu na avenida Vereador Manoel Felix, em frente à praça Dr. Luiz Amancio Ramalho, reunindo milhares de pessoas, entre lideranças políticas do estado e municípios vizinhos. “Chegaram a menosprezar o Agreste e a força de seu povo. Pois foi essa região quem me ajudou a se eleger e vai fazer tudo de novo, pois iremos ganhar mais uma eleição”, declarou Robinson.

A população foi às ruas prestigiar e agradecer ao governador Robinson Faria pela execução de várias obras e ações no município, a exemplo do projeto de reuso de água para a Lagoa do Venâncio, criação das minifábricas de confecções da Lagoa do Cipoal e Lagoa do Gravatá, viabilização do Projeto de Interiorização do Turismo para a Região Agreste, criação de cursos profissionalizantes para capacitar a mão de obra local, além do Microcrédito Empreendedor e do apoio à cultura local, tornando os grupos Macambirais e Terras Potiguares como de sendo de utilidade pública estadual.

Segundo o prefeito Leonardo Lisboa, a parceria entre a Prefeitura e Governo do Estado também foi responsável pela destinação de R$ 8 milhões em pavimentações de ruas e pelo desenvolvimento do Parque do Agreste – obra que será o maior investimento turístico de Passa e Fica e região. Ainda nas ações de governo em Passa e Fica, Robinson aumentou o efetivo da Polícia Militar, instalou unidade da Polícia Civil no Município, expandiu o abastecimento de água e já iniciou a implantação do Café Cidadão. “Na política devemos ter coerência, lealdade e gratidão. Temos uma parceria política ótima. Além disso, Robinson sempre foi sensível aos nossos pleitos. Juntos, estamos transformando a cidade. Já viabilizamos inúmeros projetos e a continuidade de Robinson é de extrema importância para nossa cidade e para o Rio Grande do Norte”, explicou Lisboa.

No palanque da coligação, estiveram presentes, além de Robinson Faria, os prefeitos de Goianinha, Serra de São Bento, São José do Campestre, Santo Antônio e Nova Cruz, além dos deputados estaduais Dison Lisboa e Ricardo Motta; dos deputados federais, Fábio Faria e Rafael Motta; e o deputado estadual, Ricardo Motta. Também estiveram presentes o ex-governador e candidato a senador, Geraldo Melo, entre outras lideranças políticas.

Fotos: Rayane Mainara

Ezequiel finaliza agenda com grande mobilização em Espírito Santo, no Agreste

Ao lado do prefeito Fernando Teixeira (PSDB) e de correligionários, o deputado Ezequiel Ferreira (PSDB) participou de grande passeata e comício em Espírito Santo, no Agreste Potiguar, no início da noite deste domingo (26).

“Este domingo é histórico para mim. Hoje tarde recebi a adesão para minha reeleição do deputado Dison e de seu grupo político em Goianinha. A na noite deste mesmo domingo sou recebido por uma multidão que me enche de orgulho, mas também redobra o meu compromisso com todos aqui de Espírito Santo”, disse o deputado Ezequiel Ferreira.

O governador Robinson Faria (PSD), o deputado federal Fábio Faria (PSD), o deputado Estadual Dison Lisboa (PSD) e o prefeito de Goianinha, Berg Lisboa (PSD), que estão com Ezequiel também participaram do comício.

Centenas de amigos e correligionários participaram da mobilização que antes tinha previsão de ser apenas uma reunião política de prestação de contas, mas se tornou num imenso ato com direito passeata pelas ruas do município. Lideraram a mobilização, além do prefeito Fernando Teixeira, o vice-prefeito Luiz Antônio Venceslau, os vereadores: Andson da Silva, Adilson Campos, Daize, Maria Fernanda, Ednalva Paulino, Naldo do Picolé, Maria da Pia Costa Silva e Evânia.

Ezequiel comemorou as obras de restauração da RN-003, a conquista de mais uma viatura policial e a implantação do programa de microcrédito para ajudar na rede produtiva da cidade.

O deputado ainda prestou contas dos pleitos que tem feito para Espírito Santo nos setores de Recursos Hídricos: Solicitou instalação e perfuração de poços tubulares nos distritos de: Carnaúba, Miranda, Retiro Tabocas, Cascavel, Porção, Riachão e Cachoeira. Segurança: Solicitou uma viatura policial e aumento do efetivo policial militar e melhores condições de trabalho para a polícia militar. Saúde: Solicitou uma ambulância. E, para Infraestrutura: Sugeriu convênio entre o município e o Estado para drenagem e pavimentação de ruas, além de que fosse construído um ginásio poliesportivo.

Blog do BG divulga pesquisa Seta nesta segunda-feira (27)

O Blog do BG divulga nesta segunda-feira (27) mais uma rodada de pesquisa do instituto Seta para as eleições deste ano.

Os resultados serão projetados sobre 1.300 entrevistas feitas entre os dias 18 e 20 de agosto de 2018. A pesquisa foi calculada com margem de erro de 3% e confiança de 95%.

Os cenários testados são para presidente, governo e senado. Esse é o quarto levantamento da Seta publicado pelo blog neste ano.

Ezequiel recebe adesão do deputado Dison e do prefeito de Goianinha no Agreste Potiguar

Neste domingo (26), o deputado Dison Lisboa e o prefeito de Goianinha, Berg Lisboa anunciaram apoio do seu grupo à reeleição do deputado estadual Ezequiel Ferreira (PSDB). “Este é um momento importante da política do Agreste Potiguar. Ter Ezequiel junto e segurando a bandeira do desenvolvimento para região é sinal de que o povo agresteiro pode esperar que o ritmo de novas conquistas será ainda mais acelerado”, disse o deputado Dison ao saudar Ezequiel diante de amigos e correligionários.

O governador Robinson Faria, o deputado federal Fábio Faria e lideranças de todo o Agreste Potiguar prestigiaram o encontro.  Feliz e declarando estar ainda mais estimulado para o exercício de mais um mandato de deputado estadual, Ezequiel fez um discurso de agradecimento e de gratidão às lideranças não só de Goianinha mas de toda a região Agreste que marcaram presença na tarde deste domingo no ato político que aconteceu na chácara do deputado Dison Lisboa já na saída para a cidade de Espírito Santo, que exaltou que Ezequiel tem todas as qualidades e força de vontade para representar muito bem o povo de Goianinha. Dison Lisboa ainda prometeu engajamento total ao projeto de reeleição do deputado Ezequiel.

“O Rio Grande do Norte é testemunha do trabalho dedicado e profícuo que o grupo político de Dison e Berg Lisboa, juntamente com outras lideranças conduzem em nome de Goianinha. A cidade é um verdadeiro canteiro de obras. Impressiona constatar ações nos setores de saúde, a exemplo do recente convênio com o Secretaria de Estado da Saúde, para a manutenção do Hospital que fica às margens da BR 101 e por isto atende pacientes de toda região. Mas tem mais. Tem obra estruturante, iluminação pública, reforma de escolas municipais, ações de esporte e lazer e a busca incessante por melhoria da qualidade de vida e da geração de emprego e renda para os moradores daqui de Goianinha. É neste ritmo de conquistas e desenvolvimento que me comprometo com todos os goianinhense”, afirmou o deputado Ezequiel.

Em Goianinha além do deputado Dison, do prefeito Berg e da primeira-dama Lucicleide, marcaram presença o vereador e presidente da Câmara Municipal, Odilon, os vereadores Ademar, Dema, Panta, Cal, Juliana, Luizinho e Jean. O sentimento de todos é de que Goianinha não deixará de ter um representante na Assembleia Legislativa para lutar pelas questões da cidade.

Créditos das Fotos: Divulgação/Assessoria

Deputado estadual José Dias já contabiliza dois apoios de prefeitos ligados a Dison

Prefeitos dos municípios de Santo Antonio e Arêz passam a apoiar o deputado estadual José Dias

O prefeito de Santo Antônio Josimar também abraçou o projeto da reeleição do deputado estadual José Dias

A imagem pode conter: 4 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e listras

Deputado José Dias ao lado do prefeito de Arez na visita de ontem.

O deputado estadual José Dias, já conquistou dois apoios importante ligado ao deputado estadual Dison, são eles o prefeito do município de Arêz, Braulio e o da cidade de Santo Antonio, Josimar Ferreira. José Dias segue ao de Dison em busca de outros apoios no Agreste.

 

Ezequiel Ferreira recebe hoje o apoio do deputado estadual Dison

É neste domingo 26 em sua residencia no município de Goianinha, que o deputado estadual, Dison Lisboa vai anunciar o seu apoio no município de Goianinha ao Presidente da Assembléia Legislativa, Ezequiel Ferreira. Já os demais municípios que o deputado estadual detêm apoios políticos serão repassados para os deputados estaduais, José Dias, Ezequiel e Jorge do Rosário.

Educação é o assunto de maior interesse dos brasileiros segundo pesquisa

Notícias e reportagens com temas ligados à educação chamam mais atenção dos brasileiros. É o que mostrou uma pesquisa do Instituto Datafolha, realizada a pedido da Jeduca, associação de jornalistas que produzem matérias sobre educação.

A pesquisa entrevistou 2.084 pessoas de classes sociais distintas e maiores de 16 anos, em 129 municípios do país no mês de junho.

Dos entrevistados, 80% disseram ter muito interesse pelo tema. Já os que têm quase nenhuma atração representaram 4%. No ano passado, a temática também ficou entre os 10 assuntos mais pesquisados no Google – Enem ocupou o terceiro lugar do ranking, já o Sisu ficou com o sétimo.

Quanto maior o nível de escolaridade, mais alta é a busca por conteúdos educacionais. O levantamento do Datafolha apontou que 74% das pessoas que estudaram até o ensino fundamental têm muito interesse pelas notícias da editoria de educação. Quando se trata de quem concluiu o ensino médio ou possui o nível superior, os números sobem para 81% e 86%, respectivamente.

No Mato Grande, Ezequiel reúne lideranças de Pedra Grande e Caiçara do Norte e debate ações

A cidade de Pedra Grande, na região Mato Grande foi visitada neste sábado (25) pelo deputado Ezequiel Ferreira (PSDB). No contato com as lideranças e como vem fazendo em todas as regiões, fez uma prestação de contas do seu trabalho parlamentar com reivindicações, sempre voltadas para impulsionar a economia, o desenvolvimento sustentável e a melhoria da qualidade de vida da população.

“O nosso trabalho parlamentar é desenvolvido com base das informações e das solicitações dos moradores das cidades, pois são eles que sabem quais são as suas reais necessidades. As reivindicações da população chegam por meio das lideranças locais que estão sempre em contato com o nosso gabinete, encaminhando as reivindicações”, afirmou o deputado Ezequiel Ferreira que destacou a vocação de Pedra Grande para o turismo com base nas suas praias e da beleza das dunas móveis, ao lado do vereador e presidente da Câmara, Pedro Henrique, que organizou o encontro do deputado com a população.

De Pedra Grande, o prefeito Valdemir que apoia o deputado José Dias (PSDB), também presente ao evento, além dos vereadores Agrício, Lúcia, Fabinho, Rangel e Piaba, que reforçam o nome de Ezequiel no município sob a liderança do presidente da Câmara, Pedro Henrique. De Caiçara do Norte, marcaram presença os vereadores Edinho, Joãozinho e Janailton que também levaram amigos e lideranças do seu município.

Vários temas foram debatidos como Perfuração de poços: reforma de escolas; Vila Cidadã; raquetes de palmas forrageiras; restaurante popular; Moradia Cidadã e Moradia Cidadão Servidor; Pro Moradia; Cartão Reforma Estadual e Federal; Ronda Cidadã; construção de Quadras Poliesportivas nas comunidades Enxó Queimado e Barreiros; aumento de Efetivo Policial; Sistema de vídeo monitoramento: Saneamento básico.

Além dos pleitos já citados, Ezequiel fez o requerimento para: Pavimentação de Ruas; Barragens Submersas; Pavimentação e drenagem da estrada que liga Pedra Grande a Enxu Queimado e a retomada da obra da Adutora Boqueirão que levará água a várias comunidades de Pedra Grande, Jandaíra e Parazinho estão na lista dos benefícios requeridos pelo deputado Ezequiel, somente este ano.

Créditos das Fotos: Divulgação/Assessoria

Carlos Eduardo passou o sábado em caminhada e carreata em Mossoró com Rosalba, Kadu, Beto e Larissa

Deu no Blog Heitor Gregório

Depois de passar o dia em caminhada pela feira livre e ruas da cidade, o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT), percorreu 22 ruas de Mossoró em carreata, ao lado do vice Kadu Ciarlini (PP) e da prefeita Rosalba (PP).

Os candidatos Beto (Federal) e Larissa Rosado (Estadual) também participaram da programação.

Da largada, no Largo da Cobal até o encerramento na comunidade Ferro
de Engomar, Carlos Eduardo, Kadu e Rosalba foram saudados pelas pessoas que deixavam suas casas para cantar músicas de campanha e declarar o voto na coligação 100%RN(PDT/PP/MDB/Podemos/DEM).

A carreata percorreu as seguintes localidades: Largo da Cobal, Paredões, Santo Antônio, Estrada da Raiz, Santa Helena, Centro e Ferro de Engomar. Foram três horas de mobilização marcando o início da campanha de rua em Mossoró.

Fátima, Zenaide e Alexandre visitam Vale do Açu e Região Salineira

Candidata ao Governo pelo PT, a senadora Fátima Bezerra passou o sábado (25) em visita aos municípios do Vale do Açu e Região Salineira.

Em Assu, os candidatos visitaram a Feira Livre ao lado do deputado estadual George Soares (PR) e do prefeito Gustavo Soares.

De Assu, passaram ainda por Ipanguaçu, Alto do Rodrigues, Pendências, Guamaré e finalizaram em Macau.

 

Alckmin: ‘Não vamos resolver os problemas do Brasil a bala’

Em visita a Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, na manhã deste sábado, o candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin, disse que não dá para resolver os problemas do Brasil “a bala”. A frase foi dada como resposta a uma jornalista que perguntou a opinião do tucano sobre o avanço do candidato Jair Bolsonaro (PSL) no Oeste paulista. Bolsonaro e Alckmin cumpriram agenda pública na mesma região, a cerca de 150 quilômetros de distância.

— Em política a gente não obriga; a gente conquista. Não vamos resolver os problemas do Brasil a bala, com violência. Vamos resolver com eficiência, com competitividade, reformas que o Brasil precisa — respondeu Alckmin, ao ser questionado sobre o crescimento de Bolsonaro num tradicional reduto do PSDB.

Segundo a última pesquisa Ibope, Bolsonaro está à frente de Alckmin no estado de São Paulo, governador pelo PSDB nos últimos 24 anos. Num cenário sem o ex-presidente Lula e que leva em conta apenas os eleitores paulistas, Bolsonaro registra 22%, e Alckmin, 15%.

O tucano tem repetido que acredita que sua intenção de voto vai subir a partir da próxima semana, quando começam as propagandas de rádio e TV. O candidato do PSDB conquistou a maior fatia do programa eleitoral após fechar um acordo com o centrão, bloco partidário que reúne DEM, PP, PR, PRB e SD. Neste sábado, ele disse que a campanha “agora que vai começar”.

Outro comentário habitual de Alckmin, o excesso de partidos políticos, também foi lembrada neste sábado.

— Defendo a reforma política, para apresentar em janeiro. Defendo voto distrital misto, voto facultativo e cláusula de barreira (para diminuir o número de partidos). Na próxima eleição para prefeitos, proibindo coligação proporcional, já reduz muito (o número de partidos). Dos 35, devem ficar 15.

Em Ribeirão Preto, Alckmin foi recebido por prefeitos da região e fez uma caminhada pelo centro da cidade.

Entre as propostas que defendeu, falou sobre geração de emprego e incentivo à indústria. Em uma região com forte setor sucraalcoleiro, disse que deve incentivar a energia limpa, como o etanol.

— Vamos reduzir imposto corporativo, das empresas. Hoje, no Brasil, você tributa empresa e não tributa dividendo. Tem que mudar.

O Globo

Caravana de Robinson aporta na região Seridó ainda neste sábado

A campanha de Robinson Faria a governador chega, neste sábado (25), à cidade de Cruzeta, no Seridó. Essa é terceira parada da Caravana da Verdade, que deve percorrer todo o Rio Grande do Norte

—————————— —————————— —————————— ————————–

Após arrastar multidões nas cidades por onde já passou, a Caravana da Verdade aporta neste sábado (25) em Cruzeta, na região Seridó. A mobilização da coligação Trabalho e Superação, que tem como candidatos Robinson Faria (PSD) para governador, Tião Couto (PR) para vice e Geraldo Melo (PSDB) para senador, deve fazer uma grande festa política na cidade, apontando propostas e sugestões de melhoria no trabalho que já vem sendo feito no município e todo o Seridó. 

Prevista para iniciar às 19h, a movimentação começa na entrada cidade, nas proximidades do Posto Laís, e percorre as ruas e avenidas do centro. O comício está programado para ser realizado na avenida Dr. Sílvio Bezerra de Melo, que é uma das vias principais de Cruzeta. 

A escolha de Cruzeta para receber a Caravana da Verdade não foi à toa. Durante o governo, Robinson Faria destinou recursos para ações e obras importantes na cidade. Realizou convênios para aquisição de medicamentos e melhoria do transporte escolar, entre outras parcerias com a prefeitura. Também perfurou poços tubulares, construiu barragens submersas e o açude do Rio do Meio.

No total, foram 13 obras e ações voltadas apenas para os cruzetenses, sem falar do Microcrédito do Empreendedor, que ajudou a 600 pessoas a alavancar um pequeno negócio e mudar de vida. 

Na noite passada, a Caravana da Verdade arrastou milhares pelas ruas de São Tomé, na região Potengi, comprovando que a campanha rumo ao governo do estado só faz crescer e recebe a aprovação da população do Rio Grande do Norte. 

Fotos: Rayane Mainara

 

Página 5 de 749« Primeira...34567...102030...Última »