Nova Cruz/RN -

PROJETO DE ROBINSON
A governadora assinará um decreto de regulamentação e apresentará os critérios e operação do programa…
Que na primeira fase atenderá cerca de 30 mil famílias em Natal, Mossoró, Caicó e nos pólos regionais de Pau dos Ferros, Assu, Currais Novos, Parnamirim, Ceará-Mirim, Extremoz, Macaíba, São Gonçalo e Nova Cruz.
A operação do programa será dividida entre as Secretarias de Tributação, dado o seu caráter tributário, e a Sethas, que cuidará do atendimento às famílias e cadastramento dos estabelecimentos onde as notas fiscais poderão ser trocadas pelas cestas alimentícias.
A ENGENHARIA DO PROCESSO POLÍTICO DE 2010 PASSA POR LIDERANÇAS TRADICIONAIS
GARIBALDI, HENRIQUE, WILMA E JOSÉ AGRIPNO

As tradicionais lideranças de renome estadual e nacional não obtiveram sucesso eleitoral nas eleições de 2008. Com exceção do senador José Agripino, que apoiou a candidatura da prefeita Micarla de Souza, os demais lideres passaram por obstáculos nas eleições do ano passado. Agora volta o cenário novamente, com algumas mudanças. Garibaldi quer ficar com Rosalaba Ciarline, a mesma já recebe o apoio de Agripino e Micarla para o governo do Estado. Wilma deverá ficar com o candidato natural a reeleição que é Iberê.
O PESO POLÍTICO DAS NOVAS LIDERANÇAS
MICARLA, ROGÉRIO, JOÃO MAIA E ROBINSON
Como nas eleições de 2006. O jogo foi dado pelas tradicionais lideranças. Agora as novas lideranças surgem com força total. Nomes como da prefeita de Natal, Micarla de Souza, João Maia, Robinson Faria e Rogério Marinho juntos vão formatar um novo cenário na política do Rio Grande do Norte. Esse grupo já saiu vitorioso nas eleições de 2008. E já dão pitaco para o pleito de 2010.

Assembleias

Mário Coelho

Assembleias admitem acabar com verba indenizatória
Deputados estaduais esperam definição do Congresso para rever modelo de ressarcimento de despesas.
Em oito estados, valores superam os R$ 15 mil pagos pela Câmara
Em Alagoas, cada deputado tem direito a R$ 39 mil por mês de verba indenizatória, mais que o dobro do valor pago pela Câmara

A pressão da sociedade por mais transparência nos gastos com dinheiro público no Congresso Nacional criou uma espécie de efeito cascata nas assembleias legislativas. Após os últimos escândalos ocorridos na Câmara e no Senado, os deputados estaduais também se sentem pressionados a prestar contas do uso da verba indenizatória e já cogitam acabar com o benefício nos estados.
A possibilidade de acabar com a verba indenizatória nos estados ganhou corpo na última sexta-feira (8), no 6º Encontro do Colegiado de Presidentes das Assembleias Legislativas, que contou com a presença de 20 representantes das 27 casas do país.
A necessidade de se rever o atual modelo foi consenso entre os presidentes dos legislativos estaduais, mas os entendimentos pararam por aí. Tanto que, apesar de o assunto ter sido discutido, a extinção da verba indenizatória não entrou no documento que encerrou o encontro, a Carta de São Paulo. A redução dos juros das dívidas dos Estados com a União, mudanças na Constituição Federal para regras sobre precatórios e revisão da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) incidente sobre combustíveis foram as principais reivindicações do texto.
Levantamento feito pela Câmara dos Deputados, com informações fornecidas pelas próprias casas legislativas estaduais, aponta que 24 delas gastam, por mês, R$ 15.764.620 com o ressarcimento de despesas de seus 935 parlamentares. Isso dá uma média de R$ 16.860 para cada deputado estadual. O valor médio gasto é superior aos R$ 15 mil que os deputados federais têm à disposição na Câmara. Não entraram na conta os estados do Piauí, do Rio de Janeiro e do Rio Grande do Norte, que não forneceram informações sobre o benefício.
Mais que na Câmara
Em oito assembleias legislativas, o montante reservado para os estaduais supera o total destinado aos parlamentares federais. Alagoas está no topo do levantamento, elaborado a pedido do presidente Michel Temer (PMDB-SP). Cada deputado estadual alagoano tem direito a ser ressarcido em até R$ 39 mil a cada mês por despesas com o mandato.
Alagoas é seguido de perto por Santa Catarina. Os deputados catarinenses tinham até o mês passado R$ 38 mil como limite de custeio. Esse valor poderia ser usado para o pagamento de despesas com telefones fixos e celulares, despesas de gráfica e fotocópia, correios, aluguel e combustível para veículos, diárias, passagens aéreas e terrestres, subvenção social, além de até R$ 7,5 mil de verba indenizatória.
As outras casas com valores maiores do que a Câmara são as assembleias do Paraná (R$ 27,5 mil), Mato Grosso (R$ 23 mil), Ceará (R$ 22.970), Minas Gerais (R$ 20 mil), São Paulo (R$ 17.450) e Rio Grande do Sul (R$ 15.860). Do outro lado da tabela, de acordo com o levantamento feito em Brasília, estão os estados de Rondônia (R$ 8,6 mil), Espírito Santo (R$ 7,8 mil) e Sergipe (R$ 7 mil) com os menores gastos.
“O vínculo do subsídio deve deixar de existir.
A verba indenizatória tem que ser examinada, temos que encontrar alternativas”, defendeu o presidente do colegiado das assembleias, deputado Alberto Pinto Coelho (PP), que comanda o legislativo mineiro. Para o parlamentar de Minas Gerais, o benefício está no limite de uma pequena fronteira entre o público e o privado. “Talvez agora seja o melhor momento para reavaliar a verba”, disse Coelho, em entrevista ao Congresso em Foco na última sexta-feira, logo após o encerramento do encontro.
Comissão
Apesar de sentirem a pressão da opinião pública, os deputados estaduais defendem cautela na discussão das mudanças. O consenso no colegiado é de esperar a decisão que a Câmara deve tomar até o fim do mês. Em 29 de abril, Michel Temer constituiu uma comissão para fazer um diagnóstico, modernizar e dar transparência aos recursos repassados aos parlamentares para o exercício da função. O grupo tem o prazo de 30 dias para promover estudos, fazer um diagnóstico sobre todos os pagamentos feitos pela Câmara aos parlamentares e apresentar um novo modelo de uso de todos os benefícios.
Pressionado por recentes denúncias de mau uso do dinheiro público – como o deputado Edmar Moreira (sem partido-MG), que usou a verba indenizatória para pagar despesas com suas próprias empresas de segurança –, Temer já determinou algumas mudanças.
Uma delas é a publicação das notas fiscais dos pagamentos, com CNPJ, na internet.
“A grande diferença entre a Câmara e os legislativos locais é a transparência”, afirmou ao site o deputado Zonta (PP-SC), que foi deputado estadual por dois mandatos. Em um deles, o catarinense acumulou a primeira secretaria da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), responsável pelo pagamento e fiscalização dos benefícios.
Sem limite
Em 23 de abril, a Alesc mudou as regras do jogo. Extinguiu a verba de R$ 38 mil e deixou os deputados livres para gastarem como quiserem. Em entrevista ao jornal Diário Catarinense, o presidente da Assembleia, Jorginho Mello (PSDB), disse que o limite será o “bom senso”.
Agora, entretanto, não há ressarcimento de despesas. O Legislativo local é que paga diretamente todas as despesas, desde que, segundo a diretoria de Comunicação Social, “com a comprovação da entrega e/ou da execução”.
De acordo com presidentes dos legislativos estaduais ouvidos pelo Congresso em Foco, que pediram para ficar no anonimato, o modelo catarinense é o preferido do colegiado.
Mas, até sair o resultado da comissão instalada por Temer na Câmara, eles vão evitar tocar nesse assunto publicamente.
A assembleia catarinense não é a única que prepara mudanças. Os deputados paranaenses aprovaram no mês passado uma lei alterando a concessão do benefício. Até julho, a verba, que não terá o valor alterado, será dividida em duas partes. Do total, R$ 15 mil ficarão para despesas como locação de móveis, enquanto o restante – R$ 12,5 mil – será para pagamento de correspondências, chamadas telefônicas e transporte.
As duas casas também preparam portais da transparência, onde serão divulgados os gastos e as prestações de contas dos parlamentares, incluindo as notas fiscais.
Para Cláudio Weber Abramo, diretor da ong Transparência Brasil, que acompanha de perto o uso do dinheiro público pelo Legislativo, não existe explicação para a falta de transparência das assembleias. “Não publicar essas informações implica que estão escondendo alguma coisa”, disparou Abramo em entrevista ao site.

Assembléias estaduais podem gastar até
R$ 189 milhões com verba indenizatória
por ordem decrescente de gastos

ESTADO Valor mensal Deputados Total anual
São Paulo 17.450,00
94 19.683.600,00
Minas Gerais 20.000,00 77 18.480.000,00
S. Catarina 38.000,00 40 18.240.000,00
Paraná 27.500,00 54 17.820.000,00
Ceará 22.970,00 46 12.679.440,00
Alagoas 39.000,00 27 12.636.000,00
Bahia 15.000,00 63 11.340.000,00
Rio G. do Sul 15.860,00 55 10.467.600,00
Mato Grosso 23.000,00 24 6.624.000,00
Pernambuco 11.250,00 49 6.615.000,00
Maranhão 11.250,00 42 5.670.000,00
Goiás 11.250,00 41 5.535.000,00
Pará 11.000,00 41 5.412.000,00
Paraíba 11.000,00 36 4.752.000,00
Acre 15.000,00 24 4.320.000,00
Amapá 15.000,00 24 4.320.000,00
Roraima 15.000,00 24 4.320.000,00
Amazonas 11.250,00 24 3.240.000,00
Distrito Federal 11.250,00 24 3.240.000,00
Mato G. do Sul 11.250,00 24 3.240.000,00
Tocantins 11.250,00 24 3.240.000,00
Espírito Santo 7.800,00 30 2.808.000,00
Rondônia 8.600,00 24 2.476.800,00
Sergipe 7.000,00 24 2.016.000,00
Piauí sem informação 30 sem informação
Rio de Janeiro sem informação 70 sem informação
Rio Grande do Norte sem informação 24 sem informação
TOTAL 387.930,00 1.059 189.175.440,00
Fonte: Congresso em Foco , com base em informações das Assembléias Legislativas

EMOÇÕES EM NATAL
A turnê do show de Roberto Carlos em comemoração aos seus 50 anos de carreira já está passando por algumas cidades nordestinas. Neste fim de semana o rei se apresentou em Caruaru na quinta-feira (7), na sexta (8) e no sábado (9), no Chevrolet Hall, no Recife. Em Natal o evento acontece no dia 4 de Junho, às 21hs, no Ginásio Machadinho. Em sua passagem por Pernambuco, Roberto Carlos escolheu dentre as suas cerca de 500 composições – a maioria registrada em 56 álbuns lançados no Brasil – as que mais marcaram a sua trajetória. O novo espetáculo conta com direção musical e arranjos do maestro Eduardo Lages. As senhas individuais o show de Roberto Carlos em Natal já podem ser adquiridas na loja Sol Bijoux do Shopping Midway Mall, por R$ 60,00 inteira e R$ 30,00 meia. E as mesas estão disponíveis para compra na Harabello Turismo, que fica na rua Afonso Pena, 815 – Tirol. Os valores para quatro pessoas são: R$ 800,00 Mesa Premium, R$ 600,00 para Mesa Vip e R$ 450,00 a Mesa.
Fábio Faria prestigia festa de emancipação política de Passa e Fica

O deputado Fábio Faria prestigiou a festa de emancipação política do município de Passa e Fica, na noite desta segunda-feira.
Foi prestigiar o prefeito Pepeu Lisboa, presidente do PP.
Nesta terça, Fábio segue para Brasília.
Volta na quinta para retomar a série de reuniões que tem mantido com prefeitos de todas as regiões do Estado.
Agnelo anuncia que se filiará ao PDT e sinaliza com a possibilidade de disputar uma vaga na AL
Foto: Oliveira Wanderley

Agnelo Alves vai se filiar ao PDT e pode disputar vaga na Assembléia
Postei matéria hoje no blog ressaltando que a grande expectativa é quanto a filiação do ex-prefeito de Parnamirim, Agnelo Alves, ao PDT no próximo dia 22 de maio, quando haverá a filiação do ex-prefeito Carlos Eduardo ao partido brizolista.Pois bem. Agnelo afirmou agora há pouco, no programa Panorama do RN, na Rádio Globo Natal, que irá ingressar no PDT.
Agnelo disse, no entanto, que poderá não se filiar no próximo dia 22, juntamente com o filho Carlos Eduardo. “Mas até setembro irei me filiar”, declarou o ex-prefeito.Agnelo também sinalizou que poderá disputar uma vaga na Assembléia Legislativa em 2010. “É, melhor eu ficar por aqui do que ir para um lugar mais distante”, frisou Agnelo, se referindo à possibilidade de disputar uma vaga de deputado a concorrer a um cargo eletivo em Brasília.
Dobradinha – Resta saber se a possível candidatura de Agnelo a deputado estadual não prejudica a reeleição do deputado Álvaro Dias, presidente estadual do PDT.
Sem Agnelo na disputa, Álvaro poderia fazer dobradinha com o ex-prefeito Carlos Eduardo em Natal e na Grande Natal, caso ele concorra à Câmara dos Deputados.Em caso de Carlos Eduardo ser candidato a governador, Álvaro Dias seria candidato a deputado federal fazendo dobradinha com Agnelo Alves.

PMDB se afasta de acordo com o PT para 2010
O presidente Lula recebeu ontem à noite uma notícia para ele preocupante: neste momento, segundo estimativas das principais lideranças do partido, cerca de 60% do PMDB não estão dispostos a formalizar aliança com o PT para 2010. Em todos os estados PT e PMDB querem disputar os governos locais e reivindicam a marca de “candidato do Lula”. A confusão é grande do Amazonas ao Rio Grande do Sul.

Novidade
Lula desconhecia o problema. No fim de semana chegou a declarar que “estava próximo o acordo entre PT e PMDB para 2010”.
Ferida fatal
O desentendimento PT-PMDB “fere de morte a candidatura de Dilma a presidente,” afirmou a esta coluna um experiente senador do PMDB

Embromação
A Sudene chegou a 3.740 funcionários, nos tempos áureos. Reaberta pelo presidente Lula, hoje tem apenas 150. Contratará mais 500, em duas etapas. Ações para desenvolver o Nordeste exigem mais que isso.
Lula reúne-se com Conselho Político
Foto:Orlando Brito
O presidente Lula marcou para quarta-feira (14) uma reunião do Conselho Político. Na ocasião, o presidente pretende apresentar aos líderes da base aliada e os principais ministros um quadro sobre todas as despesas do governo e gastos da máquina pública, que frequentemente é acusada de inchaço. Segundo o chefe de gabinete da Presidência, Gilberto Carvalho, o ministro Guido Mantega (Fazenda) também apresentará uma exposição sobre a atual situação econômica durante a reunião.
Enchentes no Nordeste:Senado discute socorro às vítimas
Os ministros da Integração Nacional, Geddel Vieira, e das Cidades, Márcio Fortes, e os governadores do Maranhão, Roseana Sarney; do Ceará, Cid Gomes; do Piauí, Welington Dias; e do Rio Grande do Norte, Wilma Faria, discutem, nesta terça-feira (12), soluções para problemas causados pelas enchentes no Nordeste. Eles participam de audiência pública na Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo do Senado, que também terá a presença do Diretor Geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit), Luiz Antônio Pagot.

A semana começa com boas notícias para os prefeitos. Repasse de compensação do FPM deve sair até o domingo (17)
O presidente Lula da Silva deve encaminhar ao Congresso Nacional, ainda esta semana, uma medida provisória detalhando as regras de transferência de R$ 1 bilhão para compensar as perdas do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Esta providência é necessária para atender ao projeto de Lei do Congresso (PLN 08/2009) aprovado na semana passada por deputados e senadores. Estudo feito pela Confederação Nacional dos Municípios estima em R$ 23,7 milhões o dinheiro que seria repassado às 167 prefeituras do Rio Grande do Norte para compensar as perdas no primeiro quadrimestre do ano.
A previsão do subsecretário de Assuntos Federativos da Presidência da República, Alexandre Padilha é de que o dinheiro extra será liberado entre os dias 15 e 17 deste mês. O presidente da Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte, Benes Leocádio, informou que alguns detalhes ainda estavam sendo discutidos com o ministro José Múcio, entre eles se haverá descontos do Fundeb nas parcelas complementares. Em reunião com prefeitos do RN, na semana passada, Padilha garantiu que não haverá qualquer desconto.

CONSUMIDOR CONSEGUE SUBSTITUIÇÃO DE CARRO 0 KM
A 11ª Vara Cível de Natal determinou a entrega de um novo veículo a um consumidor que recebeu o automóvel zero quilômetro com defeito. A decisão mantida também na 2ª Câmara Cível teve como fundamento o artigo 18, § 1º, do Código de Defesa do Consumidor que garante a substituição do produto em 30 dias, caso o defeito não seja sanado.
A empresa Salinas Automóveis recorreu da decisão, argumentando que o prazo de um dia, estipulado pela Vara Cível, não era suficiente para efetuar a substituição, porque não existia no pátio da loja veículo com as mesmas características. Acrescentou que seria impossível o faturamento do novo veículo junto ao fabricante, pois o referido procedimento leva 30 dias.
O autor da ação informou, durante a instrução processual, que o veículo apresentava excessivo consumo de combustível, barulho da parte traseira e dianteira esquerda e ruídos na parte traseira externa. Disse que levou o carro até a concessionária diversas vezes e não obteve nenhuma melhora no desenvolvimento.
Fonte:TJ/RN

Deu na coluna de Claudio Humberto
RN: governista vai a festa da oposição
O líder do PMDB na Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (RN), provocou polêmica ao comparecer à festa de filiação do deputado federal Rogério Marinho (ex-PSB) ao PSDB, partido que se opõe ao governo que ele defende, no Congresso. Alves – que prega uma aliança PT-PMDB-PSB em 2010 – não foi o único a comparecer à solenidade liderada pelo presidente nacional do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE). Estiveram presentes também, entre outros, os três senadores potiguares: Garibaldi Filho (PMDB) e José Agripino Maia e Rosalba Ciarlini, ambos do DEM.

ENEM: Alberto Maranhão é uma das piores do RN e CNSC lidera com qualidade
CNSC lidera com o melhor ensino de Nova Cruz
O estabelecimento de ensino novacruzense melhor colocado nos resultados do ENEM foi o Colégio Nossa Senhora do Carmo e em segundo lugar o Colégio Rogério de Souza Alves. Comparada a nível nacional apenas o Colégio Nossa Senhora do Carmo (CNSC) obteve índices significativos. O CNSC ficou em 20º lugar no Rio Grande do Norte e 2.935ª na posição geral do ranking do ENEM com média de 57,61. Em segundo lugar ficou o Colégio Rogério de Souza Alves ocupando a 9.437ª posição nacional com média de 48,37 Já as escolas públicas do estado não obtiveram bons resultados, ficando a Escola Estadual Rosa Pignataro na 21.547ª posição com média de 41,99 e a Escola Estadual Alberto Maranhão foi a que mais decepcionou, em 25.847º lugar, com média de apenas 35,06. O Colégio Nossa Senhora do Carmo, que ocupou a 20ª posição no estado não perdeu para nenhuma escola pública do Rio Grande do Norte. No RN a 1ª colocada foi o CEI de Natal.
Veja ranking das escolas de Nova Cruz:
COLÉGIO NOSSA SENHORA DO CARMO (particular)1ª colocada em Nova Cruz
20ª colocada no Rio Grande do Norte
2.935ª colocada no Brasil
COLÉGIO ROGÉRIO DE SOUZA ALVES (particular)
2ª colocada em Nova Cruz
70ª colocada no Rio Grande do Norte
9.437ª colocada no Brasil
ESCOLA ESTADUAL ROSA PIGNATARO (publica estadual)
3ª colocada em Nova Cruz225ª colocada no Rio Grande do Norte
21.547ª colocada no Brasil
ESCOLA ESTADUAL ALBERTO MARANHÃO (pública estadual)
4ª colocada em Nova Cruz
351ª colocada no Rio Grande do Norte
25.847ª colocada no Brasil
A Escola Estadual Alberto Maranhão foi quase a última colocada no RN, ficando somente duas atrás.
Fonte:Gazeta do Agreste

Prefeito de São José de Campestre deverá ser cassado na quinta-feira
Laércio José já tem quatro votos a favor de sua saída da Prefeitura; juiz que pediu vistas não acredita em mudança de opinião dos demais magistrados.
Por Júlio Pinheiro

Fernando Pimenta pediu vistas do processo contra Laércio José.
O julgamento que irá confirmar a cassação do prefeito de São José de Campestre, Laércio José, deve ocorrer na próxima quinta-feira (11), no plenário do Tribunal Regional Eleitoral do estado. O juiz Fernando Pimenta, que pediu vistas do processo, confirmou que vai proferir seu voto ainda nesta semana, sendo mais provável na sessão de quinta-feira. Caso não haja mudança na opinião dos demais juízes, Campestre terá uma nova eleição.Com o registro de candidaturas sob questionamentos devido à desaprovação das contas durante o período que foi prefeito de Campestre (1997 a 2004), Laércio José teve as contas consideradas insanáveis por 4 dos 7 membros da Corte do TRE. Desse modo, a decisão só poderia ser alterada se pelo menos um dos juízes voltasse atrás em seu voto e os demais membros da Corte analisassem como sanáveis as contas do prefeito – o que não deve ocorrer.Antes do julgamento referente à Campestre ocorreu a análise da sanabilidade das contas do vice-prefeito de Guamaré, João Pedro Filho. O processo era bastante semelhante ao de São José de Campestre e, por isso, o relator de ambos os casos, juiz Fábio Hollanda, levou ambos a plenário juntos. No entanto, Fernando Pimenta pediu vistas apenas à segunda proposta.“É um processo de mais de mil páginas e eu ainda não tinha nem aberto para analisar. São casos semelhantes, mas uma coisa é julgar sanabilidade de casos de R$ 200 mil, e outra é de R$ 20 mil. Por isso preferi pedir vistas, mesmo com a situação já estando definida”, explicou Fernando Pimenta.Caso a cassação de Laércio José seja confirmada, haverá nova eleição no município porque o prefeito recebeu mais de 50% dos votos válidos no pleito de 2008.
Fonte:Nominuto.com

Assembléia Legislativa: Quatro deputados poderão não disputar à reeleição em 2010

Pelo menos um deputado estadual já decidiu que não vai concorrer à reeleição em 2010.Trata-se de Arlindo Dantas(PHS).Arlindo vai apoiar o filho, Fábio Dantas(PHS).“Já é uma decisão tomada. Eu não serei candidato e irei apoiar Fábio”, disse ao blog Arlindo Dantas.Outros deputados poderão também não concorrer à reeleição.São eles: Robinson Faria(PMN), Paulo Davim(PV) e Lavoisier Maia(PSB).Davim assumiu a vaga deixada pela prefeita Micarla de Souza na condição de primeiro suplente da coligação PV/PSDB.

Henrique defende ampliação do ‘Minha Casa, Minha Vida’
Foto: Rodrigo Sena

Henrique Eduardo prepara relatório na Câmara
10/05/2009 – Tribuna do Norte

Relator da Medida Provisória que institui o “Programa Minha Casa, Minha Vida”, o líder do PMDB na Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB), vai propor pelo menos quatro mudanças no texto original do governo. Uma delas garante a ampliação do programa para municípios com menos de 50 mil habitantes. Originalmente, essas cidades não estavam incluídas no projeto.
Outra emenda que o relator pretende incluir na MP, que complementa a primeira, destina R$ 1 bilhão, dos RS 16 bilhões previstos ao programa, para construir moradias populares em municípios com menos de 50 mil habitantes. Esses recursos são para atender pessoas que recebem de um a três salários mínimos.
Henrique Eduardo Alves também quer que o “Minha Casa, Minha Vida” permita o financiamento de lotes urbanizados. Ele lembra que uma das principais dificuldades para algumas famílias conquistarem a casa própria é a compra do terreno. Muitas vezes, a aquisição do lote fica mais distante da capacidade de financiamento das famílias do que a compra do material de construção.
Henrique Eduardo também vai incluir no relatório uma emenda para retirar, da Caixa Econômica Federal, a exclusividade na gestão dos recursos. O deputado argumenta que a Caixa se preparou para tocar o programa em apenas 800 municípios, pois a ideia inicial do governo era alcançar apenas as cidades com mais de 100 mil habitantes.
Segundo ele, instituições financeiras de pequeno e médio portes poderiam agilizar o atendimento aos 4,7 mil novos municípios que passarão a ser atendidos. “Para participar do programa, essas instituições têm que estar cadastradas no Banco Central, em situação regular, sob fiscalização do BC”, explicou.
Na próxima terça-feira, o relator da MP vai se reunir com a ministra Dilma Rousseff para discutir as emendas que ele elaborou e os demais pontos do projeto. No dia seguinte, vai apresentar o relatório na Câmara dos Deputados. Henrique Eduardo afirma que as alterações que está propondo são fundamentais para que o programa tenha um alcance ainda maior do que estava previsto inicialmente. Ele reconhece que o “Minha Casa, Minha Vida” tem uma dimensão social inegável. E, acrescenta, as emendas aumentam o número de famílias que serão beneficiadas.

A VERDADEIRA CAUSA DO AUMENTO DA CRIMINALIDADE ESTÁ NO AUMENTO DO DESEMPREGO.
Sociólogos, criminalistas, cientistas políticos e curiosos perguntam porque, só de janeiro para cá, São Paulo registrou 200 mil ocorrências criminais, o dobro do ano passado, no mesmo período, na capital e no interior. Os mais ousados avançam para pesquisar o crescimento de assaltos, roubos, sequestros, assassinatos e sucedâneos no país inteiro.
A cifra surge abominável. Dobrou a violência. Dizem alguns que a causa está nas recentes decisões do Supremo Tribunal Federal, por haver mandado soltar os presos sem sentença definitiva transitada em julgado, impedindo, também, prisões temporárias e preventivas sem o grau de periculosidade efetivamente caracterizado nos criminosos.
Pode ser que uma pequena parte desse horror se deva a essa concepção liberal da mais alta corte nacional de justiça, mas nem de longe explica a multiplicação do surto animalesco.
A causa maior do aumento da criminalidade reside no desemprego em passa verificado no país desde outubro do ano passado. Ainda que o governo esconda os números reais, pelo menos dois milhões de trabalhadores foram postos na rua da amargura, por conta da crise econômica. E continuam sendo.
A imensa maioria dos desempregados recorre às ínfimas reservas mantidas, às parcas indenizações recebidas, ao salário-desemprego e à caridade de amigos e parentes, mas um percentual cada vez mais perigoso, inflado pelo desespero, leva parte dos dispensados a apelar para o crime. Claro que não poderiam nem deveriam agir assim, mas diante da fome dos filhos e da falta de perspectivas para encontrar novos empregos, optam por retirar da sociedade aquilo que a sociedade lhes vem negando. Assaltam, roubam, sequestram, matam e são mortos por falta de alternativa. Por certo que razoável número de bandidos age assim por índole, mas a maior parte, mesmo sem razão ou justificativa, o faz por desespero.
Adiantará aumentar o número de policiais nas ruas? Nem pensar, porque os órgãos de segurança crescem no máximo em proporção aritmética, enquanto os criminosos, no mínimo, em proporção geométrica.
Fazer o quê? Para começar, extinguir o festival de publicidade oficial, aceitar os números verdadeiros e atacar o mal pela raiz, ou seja, adotar uma política de criação de empregos. Nem que seja para levar um grupo a abrir buracos e outro para fechá-los, logo em seguida. Em vez de dinheiro público para bancos e empresas falidas, que tal repetir o New Deal de Franklin Rooosevelt?
Escrito pelo jornalista Carlos Chagas


PREFEITA DE MONTANHAS

A prefeita Letinha, da cidade de Montanhas passou a sexta-feira dia (08), visitando as escolas e participando do dia das mães. Ao lado do secretário de educação, diretores, professores, coordenadores e mães de alunos participaram e entregaram a cada mãe um presente. Lembrança da prefeita as mães montanhenses.



FLÁVIO AZEVEDO EM BRASíLIA

O prefeito Flávio Azevedo, estará voltando a Brasília, nesta segunda-feira, desta vez o município está tudo ok, no aspecto de certidão negativa. Agora é a vez de o prefeito Flávio usar todos os artifícios em busca de recursos para a cidade. Flávio tem tudo para se transformar na maior liderança do agreste.


BANCO DO BRASIL
Agencia do Banco do Brasil, da cidade de Nova Cruz continua ocasionando aos seus clientes transtornos em seus atendimentos. Com o quadro escasso de funcionários, a agencia tem mostrado deficiência em atendimentos. Já é hora de uma nova agencia privada chegar ao município de Nova Cruz. Para mostrar o diferencial em atendimento.

CAERN
A empresa Caern é outra que tem que passar por sérias mudanças. São constantes vazamentos que ocorrem e a empresa não tem equipe para acompanhar a quantidade de distribuição de água adotada pela Caern. A equipe é a mesma, está havendo muito desperdício de água, informações que chegam que a Caern só aproveita 60 % da água na sua distribuição. O restante é desperdício total.

LULA VETOU O RETORNO DE DELÚBIO AO PT
Com a absolvição de Delúbio Soares no Supremo Tribunal Federal, o presidente Lula previu que o ex-tesoureiro do mensalão tentaria precipitar o retorno ao PT. Mandou seu chefe de gabinete, Gilberto Carvalho, convencê-lo a adiar a volta para 2011, após a eleição presidencial de 2010. A conversa de Delúbio com Gilberto foi áspera. Lula jogou pesado e ele não teve saída: retirou seu pedido de refiliação.

FULMINANTE
Dos 80 votos do diretório nacional do PT, Delúbio contava com 30 e tinha confiança em conquistar outros. Mas o veto de Lula foi mais poderoso.

CAMPANHA ANTECIPADA
O ministro Orlando Silva (Esporte) virou papagaio de pirata de eventos esportivos em São Paulo, onde será candidato a deputado.

TERCEIRO MANDATO É TEMA DE CONCHAVOS
Convidado pelo presidente da Câmara, Michel Temer, a pegar carona em um jatinho da FAB de São Paulo para Brasília, há dias, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso puxou conversa sobre um terceiro mandato e arriscou palpite, enfático: “Duvido que o Lula aceite isso”. Sentado ao lado, Temer não abriu a bico, até para não abrir o jogo. FHC desceu em Brasília certo de que há mesmo uma articulação para o terceiro mandato.

INFLAÇÃO NO PAÍS DOBRA EM ABRIL
Dados do IBGE apontam que a inflação no Brasil ficou em abril em 0,48%,pouco mais que o dobro na comparação com o 0,20% medido em março. Apesar da alta da taxa de preços na comparação com o mês anterior, a inflação acumulada no ano (1,72%) continua abaixo da medida no mesmo período de 2008 (2,08%), de acordo com o organismo oficial. A inflação acumulada nos primeiros quatro meses do ano é compatível com a meta que o Governo impôs de fechar este ano com uma taxa de 4,5%, com uma margem de tolerância de dois pontos percentuais para cima ou para baixo. Segundo o Banco Central, economistas do mercado financeiro preveem que o Brasil terminará o ano com uma inflação de 4,30%, inferior à de 2008 (5,90%) e à de 2007 (4,46%).

CADASTRO POSITIVO É DESTAQUE NA CÂMARA
O destaque do Plenário da Câmara dos Deputados para a segunda semana de maio é o projeto que cria o Cadastro Positivo de consumidores (PL 836/03). A proposta propõe a regulamentação da atuação dos bancos de dados de proteção ao crédito. Trata-se de um cadastro de bons pagadores nos moldes do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) ou Serasa. A diferença é que ele vai centralizar informações sobre os pagamentos honrados pelo consumidor. As instituições bancárias defendem a legalização do cadastro. Segundo os bancos, a medida pode diminuir os juros e a inadimplência dos consumidores de crédito. A proposta deve ser pautada para uma sessão extraordinária, porque as sessões ordinárias continuam trancadas por medidas provisórias.
Fonte:Coluna de Claudio Humberto

FILIAÇÃO AO PDT
O ministro do Trabalho, Carlos Lupi (foto), confirmou ao deputado estadual Álvaro Dias que vai participar, no dia 22 de maio em Natal, do ato de filiação do ex-prefeito Carlos Eduardo ao PDT. Álvaro Dias, que é presidente estadual da legenda, esteve em Brasília e fez o convite ao ministro. O deputado federal Brizola Neto, líder do PDT na Câmara dos Deputados, também participará do ato de filiação.

SEGURANÇA DAS URNAS
A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara aprovou um projeto de lei para aumentar a segurança das urnas eletrônicas. A proposta, de iniciativa da deputada Sandra Rosado, exige lacre com gravação dos dados das urnas antes de serem enviadas ao Tribunal Regional Eleitoral.
ENCONTRO DE PRAÇAS
Os deputados federais Arnaldo Faria de Sá (PPB-SP) e Luciana Genro (Psol-RS) estarão em Natal nesta semana para participar do Encontro Nacional de Entidades Representativas de Praças Estaduais, que começa na quarta-feira (13). Eles vão discutir o combate à violência e a valorização profissional dos agentes de segurança.

ALIANÇAS REGIONAIS
Ex-ministro do governo Lula, José Dirceu afirma que é urgente, para o PT, consolidar os palanques estaduais com o PMDB e os “aliados históricos” dos petistas: PSB, PC do B e PDT. “A aliança com o PMDB, pela força deste partido – com 93 deputados, 23 senadores e 7 governadores, maioria dos prefeitos e vereadores e com 6 ministérios – nos obriga a acelerar as alianças regionais já que em Estados importantes como Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Pernambuco e São Paulo, ela parece inviável”, destacou Dirceu.

VAGA DE CLODOVIL
O Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou mandado de segurança do PR que reivindicava a vaga do deputado federal Clodovil Hernandes, morto em março. A legenda queria que o STF determinasse a posse do primeiro suplente do PR, o vereador da capital paulista Aurélio Miguel, no lugar de Paes de Lira (PTC-SP), que assumiu a vaga deixada na Câmara por Clodovil, que foi eleito em 2006 pelo PTC e depois mudou-se para o PR.

COMBATE À POBREZA
A Secretaria do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), e o Programa Desenvolvimento Solidário, promoverão mutirões na Região Oeste para acolher subprojetos que deverão ser financiados durante a Segunda Fase do Projeto de Combate à Pobreza Rural (PCPR), no Rio Grande do Norte. Terça e quarta, uma equipe do Programa estará na Casa da Cultura, em Caraúbas, aguardando os presidentes dos Conselhos Municipais e Associações do Médio Oeste para recepção de toda documentação necessária para início do processo. Já nos dias 19 e 20 de maio, na Câmara Municipal de Pau dos Ferros, será a vez do Alto Oeste apresentar seus subprojetos.

EVOLUÇÃO DAS MÍDIAS
Estatísticas de 2008 revelam que a televisão manteve a liderança o mercado publicitário, enquanto a internet é o veículo que mais cresce. Em 2008, a TV abocanhou R$ 12,6 bilhões do bolo publicitário seguido do jornal com R$ 3,4 bilhões; Revistas – R$ 1,8 bilhão; Rádio – R$ 902,4 milhões; TV por assinatura – R$ 802,7 milhões; Publicidade online – R$ 759,3 milhões.
Fonte:Colunas da TN

VISITA

O ex-deputado Elias Fernandes ao lado da sua esposa esteve no município de Nova Cruz, ontem a noite (09), para participar da festa de aniversário de Gabriel Vitor, filho do seu assessor Waltinho e de Adeles. O evento contou com as presenças do prefeito de Serra de São Bento, Chico de Erasmo, vereador Luis da Verdura e vários outros amigos do casal.
VEJA ALGUMAS FOTOS DO ANIVERSÁRIO DE GABRIEL VITOR FILHO DO CASAL WALTINHO E ADELES – Fotos:Chiquinho

À exceção da governadora, as principais lideranças políticas do RN estão participando da solenidade de filiação de Rogério Marinho ao PSDB
Fotos: Rodrigo Rafael(versátil News)

Políticos de quase todos os partidos prestigiam Rogério Marinho
Prefeita Micarla de Souza foi aplaudir seu aliado na eleição de 2008
Agripino, João Maia, Geraldo, Rosalba, Garibaldi e Sérgio Guerra: prestígio de Rogério
Prefeita de Natal, Micarla de Souza marcou presença

Deputado federal Rogério Marinho abraçando as lideranças

Com a caneta de Geraldo, Rogério assina ficha
de filiação ao PSDB sob o olhar de Sérgio Guerra

Aconteceu ontem dia (08), na casa de recepção La Mouette, a solenidade de filiação do deputado federal Rogério Marinho ao PSDB.Prestigiam Rogério as principais lideranças da política estadual, à exceção da governadora Wilma de Faria.Quase todos os partidos estão representados na solenidade de filiação de Rogério ao PSDB.
Do PMDB estão o senador Garibaldi Filho e o deputado federal Henrique Alves.
Do DEM comparecem o senador José Agripino, a senadora Rosalba Ciarlini e o deputado federal Betinho Rosado.Do PR está o deputado federal João Maia.
O PV está representado pela prefeita de Natal Micarla de Souza.
Do PSB estão alguns vereadores e a deputada federal Sandra Rosado.
Além das principais lideranças do PSDB, como o presidente nacional do partido, senador Sério Guerra, e o ex-governador Geraldo Melo.Pode-se afirmar que a solenidade de filiação de Rogério Marinho ao PSDB se transformou numa festa suprapartidária.
Fonte:Blog Oliveira

FPM: Primeira cota, a ser depositada nesta sexta-feira, vem com aumento de 23% em relação a abril
A primeira cota de maio do Fundo de Participação dos Municípios(FPM) foi a melhor do ano, no comparativo com o mesmo período de janeiro, fevereiro, março e abril.A notícia dá certo alívio aos prefeitos do Rio Grande do Norte, que têm enfrentado uma crise braba nos primeiros meses de 2009.Nesta sexta-feita(8), o Tesouro Nacional deposita R$ 51,7 milhões do FPM nas contas das prefeituras, um aumento de 23% em relação à primeira parcela de abril.Mas a previsão dos técnicos do Ministério da Fazenda é a de que o mês deverá fechar na mesma faixa de repasse de janeiro e fevereiro, isto é, R$ 75 milhões, o que obrigaria o governo federal a fazer complementações em maio.O aumento é atribuído ao pagamento da quota única ou primeira quota do ajuste anual do Imposto de Renda Pessoa Física, cujo prazo para apresentação da declaração e acerto com o fisco federal terminou no dia 30 de abril.Geralmente, maio é um dos melhores meses do FPM. Tanto que o Tesouro Nacional prevê aumento de 31% no comparativo com abril. Esse ganho, no entanto, deverá ser anulado em junho, quando a previsão é de queda de 27% em relação a maio.Com o repasse, os municípios de coeficiente 0.6, os de menor porte, vão receber R$ 248 mil, já descontados o Fundeb, o dinheiro do fundo municipal da Saúde e o Pasep.

Deu na Folha de S.Paulo
1 em cada 13 cidades decretou emergência
São 141 os municípios do Nordeste onde essa situação já é oficial devido às enchentes; mortes desde abril chegam a 34
Exército mobilizou 710 homens para atuar no Piauí, no Maranhão e no Ceará; tropas devem ficar na região por pelo menos 30 dias
Pelo menos uma em cada 13 cidades do Nordeste já decretou situação de emergência por causa das chuvas que atingem a região desde o início de abril.
São 141 municípios em seis Estados (BA, CE, MA, PE, PI e RN). Não há cidades sob emergência em Alagoas e na Paraíba, embora os dois tenham sido atingidos pelos temporais. O total de mortes já chega a 34. Ontem foram confirmadas cinco mortes -três no Ceará, uma na Bahia e outra no Maranhão.
Com o reconhecimento da situação de emergência, um município pode fazer compras sem licitação, entre outras facilidades. A Defesa Civil avalia os casos. Se os pedidos forem homologados, os municípios passam a receber os benefícios.
O Exército mobilizou 710 homens para atuar em 11 municípios no Maranhão, no Piauí e no Ceará. Os militares trabalham em resgate de vítimas, transporte de pessoas e móveis e distribuição de donativos. Leia mais em: 1 em cada 13 cidades decretou emergência


PREFEITO FLÁVIO ANTECIPA DIA DAS MÃES

Flávio Azevedo entregando a TV a mãe premiada na AABB
Fotos:Chiquinho
O prefeito Flávio Azevedo, participou ontem (07), do dia das mães antecipado na sede da AABB. O evento contou com a presença da primeira Dama, Ana Carla, secretários, coordenadores e mães dos alunos do Programa AABB comunidade.
Foi um dia de muita felicidade para as mães. O prefeito almoçou com todas as mães e aproveitou o momento para realizarum sorteio de uma TV – 20 com as mães presente.

Mães presentes ao evento

Primeira Dama, Ana Carla marcou presença no evento

Garibaldi Filho e Betinho Rosado confirma presença na solenidade de filiação de Rogério Marinho ao PSDB
A solenidade de filiação do deputado federal Rogério Marinho ao PSDB, nesta sexta-feira(8), promete reunir políticos de várias cores.
Rogério tem trânsito livre junto às principais lideranças políticas do Estado.Uma ausência sentida, claro, será a da governadora Wilma de Faria.Rogério, que teve por muito tempo Wilma como sua principal líder na política do RN, hoje nem admite falar em qualquer possibilidade de reaproximação com a governadora.
Pelo contrário, quer distância de Wilma e vai trabalha, quando assumir a presidência do PSDB, para levar os tucanos para o lado da oposição ao Governo do Estado.Um dos líderes políticos que já confirmou presença no ato de filiação de Rogério ao PSDB é o senador Garibaldi Filho.O deputado federal Betinho Rosado também já confirmou presença na solenidade de filiação de Rogério, que irá acontecer às 17 horas, La Mouette.

VISITAQuem esteve na terrinha de Nova Cruz, foi o jornalista Pinheiro e o médico Jaime Cesar. Fizeram uma visita no senadinho do amigo Izemar Batista. O blogueiro Chiquinho, também deu uma passadinha por lá.

Temporão e a gripe suína

Foto : Agência O Globo
O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, confirmou quatro casos de gripe suína no Brasil. Segundo ele, outros 93 pacientes suspeitos em monitoramento tiveram os testes negativos. Quinze ainda estão em análise e os rsultados devem sair durante o dia de amanhã. Leia mais abaixo

Quatro casos de gripe suína confirmados no Brasil
José Gomes Temporão, ministro da Saúde, acabou de confirmar quatro casos de gripe suína no Brasil.
Segundo ele, outros 93 pacientes suspeitos em monitoramento tiveram os testes negativos. Quinze ainda estão em análise e os rsultados devem sair durante o dia de amanhã.
São dois casos em São Paulo, um no Rio de Janeiro e um em Minas Gerais. O ministro disse que três deles passaram pelo México e um pelos Estados Unidos. Todos passam bem e apenas o rapaz de 21 anos do Rio de Janeiro continua internado no Hospital Clementino Fraga Filho.
– A confirmação destes casos mostra que os sistemas de vigilância estão mantendo a situação sob controle. Todos os casos foram importados. E não existem evidências de que o vírus tenha contaminado outras pessoas do país. Ou seja, o vírus não circula no Brasil. A situação está sob controle – explicou o ministro.
Temporão lembra ainda que o Brasil tem capacidade de tratar as pessoas que estão com a gripe. E garante que não haverá mudança no esquema de prontidão do ministério, dos Estados, dos hospitais. Ele enfatiza ainda a nova arma contra a gripe: os kits que o ministério recebeu hoje de manhã com o reagente pronto para fazer o diagnóstico rapidamente – ou seja, em menos de 72h.
Atualização das 19h25: São esses os casos:
Caso 1

Paciente de São Paulo que esteve no México de 17 a 22 de abril. Começou a manifestar os sintomas em 24 de abril. Ficou internado entre 29 de abril e 4 de maio.
Caso 2
Paciente de Minas Gerais que esteve no México entre 22 e 27 de abril. Começou a manifestar os sintomas no dia 26 de abril, ainda no México. Foi internado no mesmo dia em que chegou ao Brasil. Recebeu alta no dia 29 de abrilporque só tinha febre relatada, sem aferição por termômetro. Permaneceu em isolamento domiciliar até 6 de maio.
Caso 3
Paciente de São Paulo que esteve na Flórida, nos Estados Unidos. Chegou ao Brasil no dia 28 de abril. Começou a manifestar os sintomas no dia 29. Não foi internado porque, de acordo com a Organização Mundial de Saúde, nesta data, a Flórida não era considerada área afetada pela doença nos Estados Unidos. Isso aconteceria em 2 de maio. Foi mantido em isolamento domiciliar. E nenhum dos familiares manifestou sintomas.
Caso 4
Paciente do Rio de Janeiro que esteve no México. Retornou ao Brasil no dia 3 de maio. Começou a manifestar os sintomas no dia 2 de maio, ainda no México. Está internado desde o dia 5 de maio.

São Gonçalo do Amarante: Programa Projovem Urbano vai beneficiar 800 jovens e adultos
Fotos: Divulgação

Projovem Urbano chega a São Gonçalo e vai beneficiar 800 jovens
Na noite desta quarta-feira(6) o município de São Gonçalo recebeu o programa Projovem Urbano. A solenidade de lançamento aconteceu no ginásio poliesportivo Aildo Mendes e contou com a presença do prefeito Jaime Calado, do secretário de Assistência Social do RN, Fabian Saraiva, representando a governadora Wilma de Faria; do secretário estadual de Educação, Rui Pereira; da deputada Márcia Maia, além de outras autoridades.O programa é desenvolvido pelo Governo do Estado, através da Secretaria Estadual de Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas), em parceria com o governo federal.Em São Gonçalo o ProJovem Urbano vai beneficiar 800 jovens e adultos com idades entre 18 e 29 anos.Os alunos vão receber mensalmente, durante 18 meses, uma bolsa de R$ 100,00. O investimento total do projeto é de R$ 1,44 milhão.
O prefeito Jaime Calado, o secretário Fabian Saraiva e a deputada Márcia Maia, fizeram a entrega formal dos kits didáticos.

Deu em o Estado de S.Paulo
Senado abre caminho para 7 mil novas vagas de vereador
CCJ aprova redução de repasses para Câmaras, senha para validar emenda
De Eugênia Lopes:
Mais de uma centena de suplentes de vereadores comemorou ontem a aprovação da emenda constitucional que reduz o porcentual de repasse de recursos para as Câmaras Municipais e abre caminho para a promulgação do projeto que aumenta em 7.343 o número de vereadores em todo o País.
A proposta aprovada ontem na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado prevê a redução do teto de repasse de recursos para as Câmaras dos atuais R$ 9 bilhões para R$ 7,2 bilhões, propiciando uma economia de R$ 1,8 bilhão. O motivo da comemoração é a expectativa de que agora os presidentes do Senado, José Sarney (PMDB-AP), e da Câmara, Michel Temer (PMDB-SP), promulguem a emenda que aumenta o número de vereadores.
No fim do ano passado, o Senado aprovou emenda que aumenta em mais de 7 mil o número de vagas de vereador em todo o País, mas retirou do texto a limitação de gastos das Câmaras Municipais. Indignado, o então presidente da Câmara Arlindo Chinaglia (PT-SP) se recusou a promulgar a emenda, conhecida como PEC dos Vereadores. Foi feito, então, um acordo que prevê a promulgação da emenda, assim que o Senado aprovar a limitação de gastos das Câmaras Municipais.
A assessoria de Temer informou que, antes de promulgar o texto, ele vai analisar a proposta aprovada ontem no Senado para verificar as mudanças feitas pelos senadores na redução de gastos. Leia mais em: Senado abre caminho para 7 mil novas vagas de vereador

Deu na coluna de Claudio Humberto
POLÍTICOS RECEBIAM BOLSA- FAMÍLIA
Mais de 40 mil candidatos às eleições de 2006 e 2008 eram beneficiários do programa Bolsa-Família, segundo auditoria do Tribunal de Contas da União realizada nos programas sociais do governo federal. O TCU ainda não sabe (ou ainda não divulgou) quantos foram eleitos, desse total. A descoberta foi possível com o cruzamento dos CPFs dos candidatos registrados na Justiça Eleitoral com os dos beneficiados pelo programa.

577 POLÍTICOS RECEBEM BOLSA FAMÍLIA
Dos 40 mil candidatos que recebiam a “ajuda” do Bolsa Família nas eleições de 2006 e 2008, 577 foram eleitos. O levantamento é do ministro Augusto Nardes, do Tribunal de Contas da União, que analisou o registro do Cadastro Único, onde ficam identificadas e caracterizadas as famílias segundo sua situação socioeconômica. O relatório do TCU apontou ainda 312.021 famílias que recebem o benefício irregularmente.FARRA CONTINUAJá botando gente pelo ladrão, o programa Bolsa-Família vai aumentar o número de cadastrados e elevar a renda mínima de R$ 120 para R$ 137.

AGRIPINO CANDIDATO
Ninguém se surpreenda se o engenheiro José Agripino Maia, presidente estadual do DEM, desista de ser candidato a senador e dispute o governo do Estado. Ele já não afasta essa possibilidade desde que o seu nome receba o apoio de João Maia (PR) , Robinson Faria (PMN_, Rogério Marinho (PSDB) e Garibaldi Filho (PMDB) e da prefeita Micarla de Sousa (PV) numa composição política que tenha o aval do presidenciável José Serra (PSDB. Bem, com relação a prefeita de Natal ninguém tem dúvidas: ” O meu único compromisso para 2010 é com o senador José Agripino”, jura Micarla de Souza.
Fonte:blog do Jurandir


MAX, HENRIQUE E VANDI

O médico Vandir Ernesto de Andrade, Henrique e Max estiveram no Estado do Rio de Janeiro, e assistiu a partida de futebol Flamengo x Botafogo, realizado no domingo no maracanã.



CONVERSA
Por falar em conversa. O prefeito Flávio Azevedo, no mês de abril falou com 8 dos nove vereadores, existentes na Câmara Municipal de Nova Cruz. Ficou apenas, o vereador Marcelo Cunha, sem acontecer uma comunicação com o prefeito.

ABRIL
Os 120 dias de governo do prefeito Flávio Azevedo, já se passaram. Ele passou por um grande teste drive, no aspecto financeiro, administrativo e político no município. Além de ter conversado com todos os vereadores da sua base eleitoral e conseguiu convencer o atual presidente da Casa Legislativa deixar a reeleição para o momento certo de acordo com a Lei e Regimento Interno do Poder Legislativo. Além de ter fortalecido seu grupo político, com o apoio de dois ou três vereadores da oposição no plenário da Câmara.


APOIO AOS PEQUENOS
A Secretaria Especial de Aquicultura e Pesca da Presidência da República (Seap), no Rio Grande do Norte, anuncia uma série de investimentos, a maioria no segundo semestre, para beneficiar os pequenos produtores. A secretaria vai instalar, junto com o Dnocs, 300 tanques-redes no médio e alto oeste, para atender ao futuro Pólo de Pesca do Apodi. Também serão executados vários projetos no Mato Grande, como a instalação de um curtume para beneficiar a pele da tilápia, além de instalar pequenas fazendas comunitárias, no litoral, beneficiando micro produtores e promover a legalização de áreas.

EXPOZEBU
Criadores potiguares participam da maior exposição de gado zebu do mundo, a 75ª Expozebu, em Uberaba/MG. Também estão na exposição o secretário de Agricultura e Pecuária, Chagas Azevedo e o coordenador de marketing da Secretaria, Ricardo Valério. O juiz potiguar Rodrigo Madruga, da Anorc e Abcz, é um dos julgadores na exposição.

ACELERAÇÃO
A inflação das famílias mais pobres ganhou força no quarto mês deste ano. É o que mostra o Índice de Preços ao Consumidor – Classe 1 (IPC-C1), com base nas despesas de consumo das famílias com renda de um a 2,5 salários mínimos mensais (de R$ 465,00 a R$ 1.162,50), e que subiu 0,73% em abril, após avançar 0,51% em março. No ano o acumulado é de 2,13%.

CORREÇÃO DA POUPANÇA
O Banco Central fixa a correção da caderneta de poupança para junho. Fechou maio com rendimento de 0,56%. Nos quatro primeiros dias de junho a poupança renderá mais um pouco: 0,54%,0,57%, 0,59% e 0,61%.

CHUVA
Quatro municípios do Rio Grande do Norte já chegaram à casa dos mil milímetros de chuva este ano: Martins, 1.149 mm, Natal, 1.049, Viçosa, 1.021 e Portalegre, 1.020. Três estão na casa dos 900: Florânia, 941, Jardim de Piranhas, 932 e Baía Formosa, 914. Mais de dez passaram dos 800.

MAIS DE 300 POLÍTICOS ELEITOS EM 2008 JÁ FORAM CASSADOS
Da Agência Brasil citada em O Globo:
Uma pesquisa divulgada nesta quarta-feira pelo Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE) revelou que, do final de 2008 a março deste ano, 357 prefeitos, vice-prefeitos e vereadores eleitos no ano passado foram cassados por compra de votos ou uso eleitoral da máquina administrativa.
O levantamento teve como base dados da Corregedoria Geral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Foi analisada a situação de 84,74% das zonas eleitorais do país.
Entre 119 vereadores cassados por compra de votos no período considerado, a maioria (50 casos) tinha atuação na região Nordeste. Também já perderam mandato 238 prefeitos e vices eleitos em 2008.
O número de mandatos interrompidos pode crescer bastante nos próximos meses. A corregedoria do TSE contabiliza outros quatro mil processos relacionados à corrupção eleitoral ainda pendentes de conclusão, 3.124 deles referentes à compra de votos no último pleito.
Leia mais em Mais de 300 políticos eleitos em 2008 já tiveram os mandatos cassados

Ministro da Integração promete liberar R$ 7 milhões e construir barragem de Oiticica
Fotos: Demis Roussos

Geddel chega a Assú para sobrevoar as áreas atinbidas pelas
enchentes acompanhado da governadora Wilma de Faria
Não foram os R$ 88 milhões que faltam ser liberados, mas foram R$ 7 milhões a quantia que o Governo Federal prometeu liberar para atender às vítimas das enchentes no Rio Grande do Norte.Anúncio foi feito nesta quarta-feira(6) pelo ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, que esteve sobrevoando as regiões atingidas pelas enchentes.

Geddel também autorizou o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) a executar imediatamente a dragagem e o desassoreamento do rio Piranhas/Açu.
O ministro da Integração ainda se comprometeu em construir a barragem de Oiticica, localizada entre os municípios de Jucurutu e Caicó.

Geddel sobrevoou as áreas atingidas pelas enchentes ao lado da governadora Wilma de Faria, do deputado federal Henrique Alves, e de várias outras autoridades.A construção da barragem de Oiticica, é sem dúvidas, a melhor notícia dada por Geddel.Vamos esperar que não fique somente na promessa.

PREFEITA DA CIDADE DE MONTANHAS VOLTA A BRASÍLIA
Foto:Blog Lenilson do AgrestePrefeita Letinha está em Brasília mantendo contato com senadores e deputados
Desde ontem(05), a prefeita Maria Eliete Coutinho Bispo, voltou a Brasília ao lado de outros prefeitos do Estado, em busca de recursos para o município.

Prefeitos do RN vão a Brasília pedir apoio a Garibaldi para conseguir recursos para seus municípios
Foto: Divulgação Prefeitos do RN foram pedir apoio a Garibaldi na luta por recursos
O senador Garibaldi Filho recebeu nesta terça-feira(5), no seu gabinete, em Brasília, vários prefeitos do RN. Estiverem com Garibaldi os prefeitos dos municípios de Coronel Ezequiel, Ielmo Marinho, Itaú, Patu, Riacho da Cruz, Antônio Martins, Pedro Velho, Montanhas, Extremoz, Arês, Tabuleiro Grande, Baraúna, Jardim de Piranhas, Upanema, Governador Dix Sept-Rosado, Messias Targino, Apodi, Afonso Bezerra, Assu, Lajes e Pendências.Os prefeitos solicitaram o apoio de Garibaldi para conseguir recursos para os seus municípios. O deputado estadual Walter Alves, que está em Brasília, participou do encontro.

Audiência – Ainda nesta terça-feira Garibaldi Filho presidiu audiência pública sobre o impacto da crise financeira no setor industrial.
Audiência ocorreu na Comissão de Assuntos Econômicos, da qual Garibaldi é presidente.

BASTIDORES DA POLÍTICA NACIONAL
Hoje, PMDB pende mais para Serra do que para DilmaCúpula da legenda vê ‘aversão’ ao PT em grandes Estados
Moacyr Lopes Jr./Folha
“Se tivéssemos que tomar uma decisão hoje, estaríamos mais perto de fechar com Serra, não com Dilma”. A frase acima foi dita ao blog por um integrante da cúpula do PMDB. Dedica-se à análise do desenho político que começa a ser esboçado nos Estados. Fez um levantamento nacional da situação da legenda. Verificou que, por ora, o acerto com o petismo revela-se viável somente em três Estados: Ceará, Amazonas e Piauí (neste último, com a dissidência do senador Mão Santa). Nas outras 24 unidades da federação, o PMDB ou rumina a indefinição ou se encaminha para uma aliança com PSDB e DEM. De acordo com o levantamento, a “namoradinha” da política brasileira flerta com a oposição justamente em alguns dos maiores colégios eleitorais do país. No maior deles, São Paulo, Orestes Quércia, está fechado com a candidatura presidencial do tucano José Serra. Um problema para o paulista Michel Temer. Voz ativa em Brasília, o presidente da Câmara apita pouco em sua terra. Ali, quem dá as cartas no diretório do PMDB é Quércia. Ele preside o partido. Mais: controla-o. Em Santa Catarina, uma aliança do PMDB com o PT é sonho irrealizável. O governador peemedebista Luiz Henrique governa em aliança com PSDB e DEM. Candidato ao Senado, Luiz Henrique costura a manutenção da tríplice aliança. Não quer nem ouvir falar de Idelli Salvatti, o nome do PT à sua sucessão. No Rio Grande do Sul, o PMDB é adversário histórico do PT.

Leva ao forno a candidatura estadual do prefeito de Porto Alegre, José Fogaça. A governadora tucana Yeda Crusius rumina a idéia de candidatar-se à reeleição. Mas o tucanato nacional trama puxar-lhe o tapete, fechando com Fogaça.
A despeito da cara virada do presidente do PT, Ricardo Berzoini, o petismo gaúcho prevê para julho a escolha do seu candidato. Tarso Genro é favorito. Nada de PMDB. No Paraná, o governador Roberto Requião, velho aliado de Lula no PMDB, liberou seus “costureiros” para tricotar com o PSDB. Dialogam nos subterrâneos com os dois pré-candidatos tucanos ao governo paranaense: o senador Álvaro Dias e o prefeito curitibano Beto Richa. Requião conversa amiúde com Quércia. Há coisa de dois meses, esteve com Serra, em São Paulo. Recebeu-o em Curitiba. Firmaram uma parceria fiscal.

Candidato ao Senado, Requião tenta esvaziar a candidatura ao governo de Osmar Dias (PDT), com quem o PT, empurrado por Lula, cogita se aliar. Em Minas, segundo maior colégio eleitoral do país, o PMDB vai de Hélio Costa. O ministro das Comunicações busca uma aliança com Aécio Neves. Tomado pelo noticiário, Aécio disputa a vaga de presidenciável com Serra. Tomado pelo que se diz dele abaixo da linha d’água, estaria rendido às evidências. Prevalecendo a 2ª hipótese, Aécio pende para o Senado, não para a vice de Serra. Para o governo, tenta empinar a candidatura de seu vice, Antonio Anastasia. É uma espécie de Dilma de calças.
Jamais disputou eleições.

O PMDB aposta na inviabilidade de Anastasia para atrair Aécio para o palanque de Hélio Costa. Enquanto isso, o petismo mineiro briga. Medem forças pelo governo o ex-prefeito Fernando Pimentel e o ministro do Bolsa Família, Patrus Ananias. Em Brasília, os grãopeemedebistas José Sarney e Renan Calheiros posam de “dilmetes”. No Maranhão e em Alagoas, o PMDB de ambos quebra lanças com o PT. Em conversa reservada, há dois dias, Roseana Sarney, que acaba de ganhar o governo maranhense no tapetão do TSE, desfiou um rosário de queixas ao PT. O petismo do Maranhão torce o nariz para os Sarney. Resiste às tentativas de aproximação.

Nas plagas alagoanas, Renan joga o jogo do governador tucano Teotônio Vilela Filho. E vice-versa. Teotônio deve disputar a reeleição. Renan, o Senado. Ou vice-versa. Em Pernambuco, o PMDB se chama Jarbas Vasconcelos. É Serra desde menino. Na Bahia, PMDB é sinônimo de Geddel Vieira Lima. Ministro de Lula, Geddel mantém com o governador baiano Jaques Wagner, do PT, uma aliança frágil. Espanta-se com os ataques que o petismo dirige ao seu grupo. Em privado, não excluiu a possibilidade de disputar o governo, em aliança com ‘demos’ e tucanos.

No Rio Grande do Norte, o PMDB vive um dilema. Henrique Eduardo Alves, líder na Câmara, é Dilma. Garibaldi Alves, majoritário no diretório, pende para Serra. Garibaldi distanciara-se de José Agripino Maia (DEM). Agora, ensaia a reaproximação. Cogita apoiar a candidatura ao governo da senadora ‘demo’ Rosalba Ciarlini. No Pará, o dono do PMDB é Jader Barbalho. Em 2006, ajudara a eleger a governadora Ana Julia Carepa, do PT. Hoje, quer vê-la pelas costas. Ana Júlia deseja reeleger-se. Jader quer voltar ao Senado. E trama acomodar no palácio o filho Helder Barbalho, prefeito de Ananindeua, numa aliança com o PSDB. No Rio, outro dilema. O governador Sérgio Cabral é Dilma.
O ex-governador Antony Garotinho trabalha para arrastar o diretório do PMDB para o colo de Serra. Para complicar, o prefeito de Nova Iguaçu, Lindberg Farias, do PT, quer ser governador. Tenta retirar o PT do palanque reeleitoral de Cabral, dodói de Lula. O PMDB, como se vê, faz jus ao vocábulo partido. Nada mais fragmentado. A lei não impede que o partido faça alianças diferentes nos planos nacional e estadual. Mas o dirigente que traçou o quadro acima para o repórter diz que não há como ignorar que, por ora, Serra leva “vantagem” sobre Dilma no PMDB.
Fonte:Escrito por Josias de Souza

Começam aulas do ProJovem Urbano para jovens de Arêz

O Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), abre nesta segunda-feira (4), oficialmente, as aulas do programa Pró-Jovem Urbano no município de Arêz. A solenidade de abertura ocorreu às 19h, no Ginásio Esportivo Mário Lins e contou com a presença da governadora Wilma de Faria, do titular da Sethas, Fabian Saraiva autoridades estaduais e municipais.
O Pró-Jovem Urbano é fruto de uma parceria com o Governo Federal e tem como meta elevar o grau de escolaridade de jovens entre 18 e 29 anos que não concluíram o Ensino Médio, ao mesmo tempo em que oferece qualificação profissional para o ingresso no mercado de trabalho.
Os inscritos participam de aulas de informática e recebem um auxílio mensal de R$ 100.
Só em 2009, mais de R$ 13 milhões serão investidos para beneficiar cinco mil jovens em oito municípios do Rio Grande do Norte. Em Arêz, o Pró-Jovem Urbano vai levar educação e capacitação profissional para 400 pessoas, com investimentos na ordem de R$ 1 milhão.

Câmara aprova projeto que obriga União, Estados e Municípios a informar sobre gastos públicos
A Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei complementar que amplia a transparência dos gastos públicos.A proposta obriga que a União (incluindo os três Poderes), estados e municípios coloquem na internet, em tempo real, os dados sobre seus orçamentos e gastos.A nova regra atinge todas as esferas de Poder: Executivo, Legislativo e Judiciário, e nos três níveis da Federação, segundo entendimento jurídico.
Hoje, se discute justamente a falta de transparência de gastos na Câmara e no Senado, por exemplo, e também do Judiciário. Pelo texto, haverá um prazo de um a quatro anos para adaptação às novas regras.O projeto já foi aprovado no Senado e segue agora para a sanção do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.
Projeto altera LRFO projeto altera a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), em vigor há nove anos.A lei já considerava “transparência da gestão fiscal a ampla divulgação da execução orçamentária”, mas não era tão explícita quanto à liberação do conteúdo à população.Líderes aliados queriam trocar a expressão “em tempo real” para “no prazo de um mês” para a atualização, mas desistiram. Está mantida a regra de publicação diária dos gastos.
Apesar de divergências sobre a eficácia da nova lei – já que o governo federal dispõe de portais de transparência -, os partidos fizeram acordo e abriram mão de apresentar emendas.
O Executivo Federal disponibiliza dados no Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi), mas o acesso é restrito a portadores de uma senha.Pelo texto aprovado, a transparência será garantida por meio da “liberação ao pleno conhecimento e acompanhamento da sociedade, em tempo real, de informações pormenorizadas sobre a execução orçamentária e financeira em meios eletrônicos de acesso público”.Outro item estabelece a adoção do Siafi, hoje restrito a técnicos do governo e parlamentares, pelos demais Poderes, e nos estados e municípios.
União, estados e municípios com mais de 100 mil habitantes terão prazo de um ano para divulgar as informações em tempo real. Já municípios entre 100 mil e 50 mil habitantes, prazo de dois anos; e cidades com menos de 50 mil habitantes, quatro anos a partir da publicação da nova lei.
Fonte: Jornal O Globo, hoje.

*****Do blog – É um projeto dos mais importantes, pois obriga os gestores a tornarem transparente as administrações públicas. Atualmente, a grande maioria dos órgãos públicos, em todos os poderes, parece uma caixa preta. O povo não é informado devidamente sobre os gastos dos governos municipais, estaduais e federal, dos tribunais de Justiça, do Senado, da Câmara Federal, das Assembléias Legislativas, das Câmaras Municipais, dos tribunais de Contas e nem do Ministério Público. E todos esses gastos são feitos com o dinheiro público, do contribuinte, que é o povo brasileiro.
Fonte:blog Oliveira

Página 681 de 698« Primeira...102030...679680681682683...690...Última »