Nova Cruz/RN -

Arquivo do Autor

Robinson Faria participa hoje de campanha em Mossoró

robinson carnaval

O vice-governador Robinson Faria (PSD) estará neste sábado (19) em Mossoró participando da campanha de Francisco Silveira Júnior (PSD), prefeito interino da cidade. Silveirinha concorre ao cargo de prefeito nas eleições suplementares no próximo dia 4 de maio. Na agenda do candidato estão incluídas a visita ao mercado do Bom Jardim, mobilização pelas ruas da cidade e finaliza a agenda do dia com uma carreata pelos principais bairros da cidade.

RN:Chuvas não recuperam mananciais

A Tribuna do Norte destaca que o período chuvoso no semiárido nordestino deve acabar em meados de maio e, até lá, não terá sido suficiente para recuperar satisfatoriamente o nível dos reservatórios potiguares. Esta é uma previsão da Empresa de Pesquisas Agropecuárias do Rio Grande do Norte (Emparn) para os próximos meses. De acordo com o meteorologista do órgão, Gilmar Bristot, a agricultura tem se recuperado com as precipitações do início deste ano, que estão dentro da normalidade. Porém os gestores precisam se preparar para as dificuldades que serão causadas pelo baixo volume do líquido armazenado para o resto do ano.

“Ainda temos um mês de chuva pela frente. A regularidade delas aqui depende dos oceanos, que estão favoráveis. Mesmo assim está chovendo pouco. Dizer se vai ter recarga desses açudes é difícil e as autoridades precisam estar preparadas para enfrentar o resto do ano”, coloca. Para Bristot, seriam necessárias chuvas mais constantes e fortes para que o nível das barragens subisse. Nestes próximos dias, a previsão é de chuva, segundo a Emparn. Elas podem ser fortalecidas dependendo do comportamento de uma frente fria que está sobre o Estado de Minas Gerais, no Sudeste.

chuvas TN

Governo faz ofensiva para elevar o apoio à Copa

Deu no Blog do Josias de Souza

Pesquisas realizadas pelo Datafolha demonstram que o apoio à realização da Copa no Brasil é declinante. Em novembro de 2008, 79% dos brasileiros aplaudiam a escolha do país como sede do evento. Em junho do ano passado, mês em que a juventude foi às ruas, o índice caiu para 65%. Neste mês de abril, a aprovação minguou para 48%.

Esse pano de fundo adverso produziu uma situação crivada de ironia: presidente do país do futebol, pentacampeão mundial, Dilma Rousseff viu-se compelida a deflagar uma ofensiva governamental para tentar elevar o apoio dos amantes do esporte à Copa, um dos eventos mais populares do planeta. Deve-se a preocupação ao fato de que, por mal dos pecados, a Copa ocorre no ano da sucessão presidencial.

Assessor direto de Dilma, o ministro Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência) tornou-se uma espécie de mercador da Copa. Percorre as 12 cidadesque sediarão os jogos. Distribui uma cartilha intitulada ‘o que o governo já ganhou com a Copa’ e participa de debates com representantes de movimentos sociais e entidades sindicais.

Gilberto Carvalho iniciou o périplo por Manaus, em 2 de abril. Já esteve em Belo Horizonte e Porto Alege. E ainda participará de encontros em Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Natal, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo.

De acordo com reportagem do jornal Valor Econômico, a ofensiva do governo ganhará um formato publicitário. A partir de 27 de abril, a 46 dias do início da Copa, vai ao ar uma campanha concebida por três agências: Giovanni, Nova SB e Propeg. Só falta Dilma aprovar as peças.

A campanha começou a ser discutida nas pegadas dos protestos de junho de 2013. Deveria ter sido veiculada no último mês de janeiro. Mas seu conteúdo foi questionado por integrantes do governo e por pessoas vinculadas à campanha reeleitoral de Dilma, sobretudo o marqueteiro João Santana.

Vencidas as resistências, o esforço publicitário do governo vai atacar dois alvos. Além de açular a alma ufanista de torcedores que sonham com o hexacampeonato, tentará justificar as obras e os gastos associados à Copa. Foi a aversão a essas despesas que levou os manifestantes de junho a erguerem cartazes exigindo que o “padrão Fifa”, presente em 12 estádios, fosse levado também a ambientes como escolas e hospitais públicos.

Em entrevista ao Valor, o ministro Aldo Rebelo (Esportes) fez algo parecido com uma autocrítica. Disse que o governo deixou a Copa “indefesa”. Para ele, “havia uma campanha contra a Copa e não houve uma contracampanha. Ficou claro que organizá-la bem não era suficiente”. Agora, afirmou Aldo, “há um certo esforço, que talvez neutralize essa ofensiva. […] Mas a melhor defesa da Copa será a própria Copa.”

As obras da Copa foram orçadas em R$ 25,6 bilhões. Apenas R$ 4,4 bilhões vêm de fontes privadas. O resto sai de cofres públicos: R$ 8,2 bilhões financiados por BNDES, Caixa Econômica Federal, Banco do Brasil e Banco do Nordeste; R$ 5,6 bilhões do Orçamento da União; e R$ 7,2 bilhões de Estados e municípios.

Um dos objetivos centrais da campanha do governo é o de solidificar a tese segundo a qual o orçamento da Copa não é feito só de estádios e deixará um “legado”. Aldo Rebelo recorda que, com a Copa ou sem ela, algumas obras teriam de ser realizadas –mobilidade urbana e reformas de aeroportos, por exemplo.

Numa tentativa de responder à gritaria do asfalto, a cartilha elaborada pela pasta de Gilberto Carvalho anota que desde 2010, ano em que as obras da Copa ganharam impulso, o governo investiu R$ 825,3 bilhões em educação e saúde, contra R$ 8 bilhões enterrados nos estádios. Alguém que esteja aguardando há mais de um ano por uma cirurgia do SUS talvez indague: E daí?

Irritados e indecisos ‘empatam’ com Dilma: 37%

Nelson Rodrigues escreveu que “a multidão tem algo de fluvial no seu lerdo escoamento.” As últimas pesquisas eleitorais revelam: 1) a multidão que compõe o eleitorado brasileiro escoa rumo à mudança. 2) por ora, Aécio Neves e Eduardo Campos não ganham o prestígio que Dilma Rousseff perde.

Pois bem. O Ibope acaba de tirar um novo retrato da multidão. Exibe uma cena muito parecida com a de outras fotos: Dilma cai, mas seus antagonistas ainda não ameaçam sua reeleição. Nesse contexto, o dado mais importante não é o pedaço da multidão de cabeça feita, mas o naco do eleitorado que ainda não definiu em quem irá votar.

Somando-se os 13% que dizem não saber em quem votar aos 24% que manifestam a intenção de anular o voto ou votar em branco, chega-se a uma multidão expressiva: 37% do eleitorado. Trata-se de um percentual idêntico à taxa de intenção de voto que o Ibope atribui a Dilma (37%), bem acima da soma dos índices amealhados por Aécio (16%) e Campos (6%).

Repetindo: se os 37% de eleitores insatisfeitos ou indecicisos resolvessem apoiar José das Couves, esse presidenciável fictício entraria na briga empatado com a ainda favorita Dilma Rousseff. No seu movimento fluvial, os eleitores do candidato das Couves escoam rumo ao desalento com a política. Essa turma informa que, a seis meses da eleição, não se sente representada por nenhum dos candidatos de carne e osso à disposição. Triste.

Fonte:Blog do Josias de Souza

PT decide comprar briga contra Henrique Alves

As relações entre os dois maiores partidos do bloco de apoio a Dilma Rousseff voltarão a azedar nos próximos dias. Sob a voz de comando do seu presidente, Rui Falcão, o PT decidiu pegar em lanças para melar um plano do presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, do PMDB, .

Em combinação com líderes de partidos governistas e oposicionistas, Henrique decidiu pautar para a primeira quinzena de maio, provavelmente no dia 13, a votação da proposta de emenda à Constituição da reforma política. Em articulação comandada por Falcão, a bancada petista da Câmara tentará impedir.

O petismo enrolou-se em duas bandeiras que lhes são caras: o financiamento publico de campanha e a realização de um plebiscito sobre a matéria. A proposta que Henrique quer votar institui um modelo híbrido de custeio das campanhas, com verbas públicas e privadas. Em vez de plebiscito, prevê a convocação de um referendo.

O plebiscito e o referendo são mecanismos de democracia direta. Permitem convocar os eleitores para se pronunciar sobre temas específicos. A diferença entre um e outro é que, no caso do plebiscito, o povo é chamado a opinar antes da deliberação do Legislativo. Já o referendo é convocado depois da votação de determinada proposta, cabendo à sociedade ratificá-la ou não.

As posições do PT são minoritárias na Câmara. Mas o partido controla 88 votos no plenário. É a maior bancada da Casa. Valendo-se de manobras regimentais, pode impedir ou, no mínimo, protelar a votação da reforma pretendida por Henrique Alves. Por ironia, a proposta que a legenda deseja enterrar foi elaborada por um grupo coordenado pelo petista Cândido Vaccarezza (SP).

Numa demonstração de que pretende levar às últimas consequências a conspiração contra os planos de Henrique Alves, o PT aprovou em sua Executiva Nacional o “fechamento de questão”. Trata-se de dispositivo previsto nos estatutos da legenda. Obriga os filiados a seguirem as deliberações partidárias. Quer dizer: o próprio Vaccarezza terá de votar contra a proposta que ajudou a colocar em pé. Sob pena de expulsão.

Em viagem oficial à China, Henrique Alves retorna ao Brasil neste final de semana. Candidato ao governo do seu Estado, o Rio Grando do Norte, ele deseja fazer da reforma política uma espécie de grand finale do seu mandato parlamentar. Será informado de que o PT decidiu ser o seu estorvo.

Fonte:Blog do Josias de Souza

Governo do Estado implanta novo leito de UTI na Zona Norte

UTI Santa Catarina fot Ivanizio Ramos (1)

O Governo do Estado concretizou, na tarde desta quarta-feira (16), mais uma etapa do compromisso para o aumento da oferta de vagas de Unidades de Terapia Intensiva (UTI) na rede hospitalar do Rio Grande do Norte. A Governadora Rosalba Ciarlini, acompanhada dos secretários da Saúde e da Infraestrutura, Luiz Roberto Fonseca e Kátia Pinto, inauguraram nesta quarta-feira (16), a obra de reforma e ampliação do Hospital José Pedro Bezerra, mais conhecido como Santa Catarina, situado na zona Norte de Natal. Também participaram da solenidade, o diretor geral da unidade, Jaime César Melo, e a diretora técnica, Lienca Pinto.

RN:Policiais militares decidem paralisar as atividades a partir de terça-feira

Devido à falta de diálogo entre o Poder Público e a classe militar, que há tempos denuncia à sociedade as precárias condições de trabalho pelas quais está submetida, policiais e bombeiros militares do RN ampliam pauta de reivindicações e decidem, com unanimidade, pela paralisação das atividades a partir desta terça-feira (22).

A decisão foi aprovada durante Assembleia Geral extraordinária realizada na manhã desta quarta-feira (16), no acampamento em frente à Governadoria. Além da aprovação do Projeto de Lei de Promoção de Praças, principal medida defendida pelos militares estaduais, foram adicionadas à pauta de reivindicações mais demandas importantes para a segurança pública, sobretudo à sociedade.

Prefeitura de Nova Cruz realiza a entrega de peixe para o povo

10153814_616379258446179_6114944498108485966_n

1924598_616385605112211_443164676236181662_n

1461282_616382828445822_7794891380511906463_n

O prefeito da cidade de Nova Cruz, Cid Arruda, realiza nesta quinta – feira da Semana Santa, a entrega de peixe para a população de Nova Cruz. Mantendo a tradição a Prefeitura efetuou a compra de mais de 10 toneladas de peixe e em seguida foi realizada a distribuição em vários postos de entrega, tanto na zona rural como na urbana. É mais uma ação da administração do prefeito Cid Arruda, com o Programa “PEIXE PARA O POVO”.

Deputado Tomba Farias é indicado para receber título de Cidadão Novacruzense.

Os vereadores de Nova Cruz aprovaram na última quinta-feira,  10/04, o decreto que concede título de cidadão ao deputado estadual Tomba Farias. A honraria foi de autoria do vereador Aluísio Soares de Sena. A data da solenidade de entrega dos títulos e comendas será marcada pela Câmara de Vereadores. O Deputado Tomba tem vários serviços prestados na cidade de Nova Cruz, na área da saúde, esporte e social. Destaca-se o Projeto de Lei de sua autoria aprovado na Assembleia Legislativa que beneficiou Nova Cruz e que regulariza o pagamento das gratificações dos funcionários dos hospitais regionais, beneficiando os servidores dos Hospitais Regionais de Santa Cruz, Ceará Mirim, São Miguel, Luis Gomes, José da Penha, Nova Cruz, Passa e Fica e Areia Branca, evitando a migração desses profissionais para hospitais não municipalizados.

Fonte:Blog Claudio Lima

Agências bancárias fecham sexta e só reabrem na terça-feira

Banco do Brasil de Caicó

Não haverá atendimento nas agências bancárias nos dias 18 e 21 deste mês, devido aos feriados nacionais de Sexta-feira da Paixão e Tiradentes. A população poderá utilizar os canais alternativos de atendimento para realizar as demais operações bancárias, como caixas eletrônicos, Internet Banking, Mobile Banking, banco por telefone e correspondentes (casas lotéricas, agências dos Correios, redes de supermercados e outros estabelecimentos comerciais credenciados).

As contas com vencimento marcado para esta data como contas de consumo (água, luz, telefone e TV a cabo, por exemplo) e os carnês poderão ser pagos no próximo dia útil subsequente, dia (22/04), sem incidência de multa. Os tributos, normalmente, já estão com data ajustada pelo calendário de feriados (federais, estaduais e municipais).

Os clientes também podem agendar nos bancos os pagamentos das contas de consumo ou pagá-las (as que têm código de barras) nos próprios caixas automáticos, ou em correspondentes. Já os boletos bancários de clientes cadastrados como sacados eletrônicos poderão ser agendados ou pagos por meio do DDA (Débito Direto Autorizado).

Fonte:Blog Marcos Dantas

Fábio Faria faz balanço positivo da semana de votações na Câmara

fabio barragem

Ao deixar a Câmara, nesta quarta-feira, o deputado Fábio Faria, do PSD do Rio Grande do Norte, fez um balanço positivo da semana em que ocupou a presidência. O presidente em exercício destacou a aprovação do projeto que traz penas mais severas para quem promover “rachas” no trânsito. Ele ressaltou que a proposta tramitava na Casa desde 2007.

“Foi muito importante esta semana, que, eu diria, uma semana difícil, porque temos um feriado na sexta-feira, e nós conseguimos atingir o quórum, que era uma dúvida que todos os líderes tinham, mas nós ligamos para todos os gabinetes, fizemos um quórum acima de 270 deputados, e nós chegamos uma pauta consensual”,disse ele.

Fábio Faria também comemorou a aprovação de urgência para quatro projetos – um deles o que transforma o Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana em Conselho Nacional dos Direitos Humanos. Com a mudança, o órgão terá mais autonomia e atuação mais abrangente.

Prefeitura adqurire terrenos para ampliação da Escola Márcio Marinho e do Cemitério Público.

O Prefeito Cid Arruda assinou a compra de lotes de terreno, para ampliação de dois equipamentos: a Escola Municipal Nestor Marinho, no bairro do Planalto que terá aumentado o número de salas de aula e a construção de uma quadra esportiva; e o Cemitério Publico Nossa Senhora da Imaculada Conceição.
Em relação ao Cemitério Publico o Prefeito Cid Arruda explicou que o mesmo está com sua capacidade esgotada e se fez necessário mais uma nova ampliação, para tanto comprou um terreno vizinho ao Cemitério na Rua Frei Alberto Cabral até ao limite com a Rádio Curimatau que, segundo ele, propiciará novas vagas por mais 6 ou 7 anos. Lembrando que foi na segunda gestão do Prefeito Cid Arruda (2005 A 2008) que o Cemitério recebeu sua última ampliação.

Tomba Farias pede novas eleições para o município de Passagem

_DSC1139
Deputado disse que nas eleições municipais o número de eleitores superou o da população da cidade
O deputado Tomba Farias (PSB) cobrou do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RN) um posicionamento sobre a situação da cidade de Passagem – localizada na região Agreste -, no que diz respeito às eleições municipais. Segundo o parlamentar, no pleito de 2012, 4.286 pessoas votaram no município. No entanto, a população da cidade é de 2.790 habitantes. “Isso sem falar nas crianças e idosos que não entram nessa contagem de eleitores”, disse Tomba.

De acordo com o deputado, foram registradas doações de terrenos durante o período eleitoral e mais de 1.300 transferências de títulos. “Num só endereço tinham 38 eleitores e em outro, mais de 60. O TRE tem que se pronunciar sobre isso. Fui procurado por várias pessoas no município para tratar desse assunto. É preciso que seja marcada uma nova eleição”, disse o deputado.

Governo do estado já remanejou mais de R$ 321 milhões do orçamento de 2014

_DSC0134

O deputado estadual Fernando Mineiro (PT) criticou a falta de planejamento do governo do estado e apontou suplementação orçamentária na ordem de R$ 321 milhões do planejado para 2014. O parlamentar também criticou o ritmo de atualização do site da transparência.

“É muito capenga a prática de disponibilizar as informações no site. Sempre está defasada. E para complicar mais ainda temos uma farra de créditos suplementares no RN. O último dado que tenho, é da semana passada, o governo do estado já suplementou o orçamento de 2014 em R$ 321 milhões. Significa a mudança do orçamento, ou seja, o que nós votamos aqui já foi modificado em R$ 321 milhões. É a mudança da destinação”, disse.

Fernando Mineiro disse desconhecer suplementação orçamentária semelhante em outros períodos administrativos.  “Nunca antes na história do RN houve suplementação nesse montante. A suplementação é um recurso correto, mas está sendo modificada a destinação orçamentária”, registrou.

A falta de informações disponibilizadas no site impede, segundo Mineiro, o acompanhamento da execução orçamentária do governo do estado do RN.

Comissão discutirá os reflexos da Ditadura na Educação

BktYBUVIAAA6vQD

Na próxima quinta-feira (24), a Comissão de Educação irá promover uma audiência pública sobre os reflexos do golpe militar na educação brasileira.

A audiência marcada para 9h30, no Plenário 10 da Câmara dos Deputados, contará com a presença de Emir Sader, Sadi Dal Rosso, Renato Rabelo, Moacir Gadotti e Marcos Guerra.

Segundo a autora do requerimento que deu origem a audiência, deputada Fátima Bezerra, a educação foi um dos setores que mais sofreram com o golpe civil/militar de 1964. “As universidades brasileiras tiveram inúmeros de seus professores cassados, departamentos inteiros foram esvaziados, particularmente da área de humanidades. Bibliotecas foram atingidas pela censura de vários temas e autores, prejudicando a pesquisa acadêmica, o ensino e a livre circulação de ideias. O movimento estudantil da época foi de grande importância na resistência à ditadura e como consequência, muitos estudantes foram torturados e mortos ou tiveram que procurar asilo no exterior”, disse.

Para Fátima, as novas gerações precisam ter conhecimento desse período triste de nossa história e, cabe particularmente à Comissão de Educação, contribuir para a compreensão de seus efeitos negativos sobre a educação no País.

 

PT indicará novo vice-presidente da Câmara até o dia 29

A bancada do PT na Câmara se reuniu nesta terça-feira, durante algumas horas, para debater a situação do deputado André Vargas (PT-PR) e a indicação do nome do parlamentar petista que deverá substituir Vargas na 1ª Vice-Presidência da Câmara. O líder do partido, deputado Vicentinho (SP), disse que até o próximo dia 29 a bancada petista irá indicar o novo vice-presidente da Casa.

Embora tenha anunciado por meio do próprio líder Vicentinho que iria renunciar à Vice-Presidência, André Vargas não oficializou a renúncia ao cargo que ele ocupa desde fevereiro do ano passado, quando foi eleito. Vicentinho informou que a ideia é continuar conversando e chegar a um nome de consenso para o cargo dentro do partido. “Estamos analisando se vai ser homem ou mulher, mas não posso antecipar nada, até porque a ideia é não ter eleição, mas apenas uma indicação”, disse.

De acordo com o líder petista, o cargo de vice-presidente pertence ao partido e não ao deputado e, por essa razão, será indicado um novo nome para substituir Vargas. Vicentinho disse que a renúncia de Vargas à Vice-Presidência da Câmara, após ser anunciada, não pode mais ser questionada.

O Crack, acredite, já chegou a 87% dos municípios do Rio Grande do Norte

Os dados foram fornecidos pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp)

1601091_681437508582764_3135182158551215182_n

Marcelo Lima

Repórter

O Rio Grande do Norte faz parte do programa e combate ao uso de drogas “Crack, é possível vencer” há quase um ano – desde maio de 2013. Até agora os resultados mais avançados do programa são as ações de repressão, classificada como “eixo autoridade”. O Estado conseguiu dois ônibus de videomonitoramento no valor de R$ 700 mil cada.

“O nosso maior resultado foi a obtenção dos recursos de R$ 30 milhões para o Estado”, disse Sonali Rosado coordenadora estadual do programa. E os potiguares têm mesmo que se preocupar com a questão. Segundo a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Rio Grande do Norte (Sesed/RN), o crack já chegou a 87% dos 167 municípios norte-rio-grandenses.

Por enquanto, os resultados mais efetivos se vêem na área de segurança pública na capital. Os dois ônibus estão em campo nos bairros de Nossa Senhora da Apresentação, Zona Norte de Natal, e Felipe Camarão na região Oeste. De acordo com representante da Secretaria Estadual de Segurança Pública do Rio Grande do Norte (Sesed) e ponto focal do programa no Estado, Ana Paula Dantas, os bairros receberem esse aporte depois de um estudo da mancha de criminalidade na capital.

A análise não se restringiu aos crimes diretamente relacionados com o tráfico de drogas. Os dados foram fornecidos pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp). “Foi levado em consideração a maior incidência criminal, sobretudo de homicídios”, explicou Ana Paula Dantas.

Mas os ônibus não vieram sozinhos. Conforme a representante da Sesed no programa, cada bairro terá 20 câmeras de monitoramento instaladas. As regiões consideradas como cenas de uso de drogas deverão os pontos mais visados. Também fazem parte do pacote duas motocicletas e mais duas viaturas de policiamento para cada bairro.

Além disso, armas de baixo potencial ofensivo serão utilizadas: armas de condutividade elétrica (mais conhecida como taser) e espargidores de pimenta (sprays). Para lidar diretamente no “Crack, é possível vencer”, 167 agentes de segurança pública foram capacitados, sem contar nos guardas municipais que também receberam treinamento.

A previsão de Ana Paula Dantas é que estrutura semelhante a essa chegue aos municípios de Mossoró e Parnamirim até setembro deste ano. Cada cidade receberá um ônibus de videomonitoramento e sua respectiva estrutura de apoio. Dos R$ 30 milhões dos quais o Estado tem direito, R$ 7 milhões serão investidos na área de Segurança Pública – eixo autoridade.

Atendimento na rede de Saúde

O programa é segmentado em três eixos: prevenção (educação, esporte, cultura e assistência social), cuidado (Saúde) e autoridade (Segurança Pública). O eixo com mais recursos no Rio Grande do Norte é o que prioriza atendimento dos dependentes químicos. Dos R$ 30 milhões destinados ao RN pelo programa de combate ao uso de drogas, o eixo cuidados ficará com cerca de R$ 21 milhões.

No entanto, os resultados das ações em Saúde Pública ainda são tímidos. Por enquanto, a mais evidente é o encaminhamento dos pacientes que procuravam o Hospital Psiquiátrico João Machado para a Unidade de Pronto-atendimento (UPA) de Pajuçara. Mas há diversos outros projetos para o atendimento.

De acordo com a técnica da Secretaria de Saúde Pública (Sesap) Liege Uchoa, as cidades de Parnamirim e Mossoró receberão um Centro de Atendimento Psicossocial (Caps) 3 AD (para pessoas dependentes químicas) 24 horas, um consultório na rua, leitos para internação em hospitais-gerais e unidades de acolhimento. Essas unidades darão continuidade ao tratamento iniciado nos Caps.

Na capital, a diferença é que em cada distrito regional de saúde da cidade haverá um Caps AD para atendimento de dependentes químicos durante 24 horas. Atualmente só existe um Caps AD 24 horas na zona Leste. “Temos o cuidado para que o paciente não seja segregado. Não ter essa saída das drogas abruptamente”, ressaltou Liege Uchoa, esclarecendo que o atendimento se baseará na política de redução de danos dos usuários.

“O eixo prevenção está sendo organizado pelo RN Vida [programa estadual de combate às drogas] no Caic de Lagoa Nova”, informou Sonali Rosado. Segundo ela, 400 crianças têm atividades esportivas e culturais no local. Representantes dos municípios pactuados e órgãos estaduais se reuniram hoje pela manhã na Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) no bairro de Cidade Alta. O encontro serve para avaliar o andamento do programa nos municípios.

Fonte:Portal do JH

TSE:Ministra mantém inelegibilidade de Larissa candidata a prefeita de Mossoró

larissa hospital

A ministra Laurita Vaz, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), manteve a inelegibilidade da candidata à prefeitura de Mossoró, deputada estadual Larissa Rosado (PSB).

Diante dos três pedidos de impugnação contra Larissa, sua assessoria jurídica havia impetrado ação cautelarjunto ao TSE, pedindo a suspensão da inelegibilidade, mas Laurita negou o pleito.

TRE-RN abre inscrições para juízes das Comarcas de Nova Cruz, Mossoró e Caicó

O Presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Norte – TRE-RN, desembargador Amílcar Maia, através dos Editais nº 04/2014, nº 05/2014 e nº 06/2014, torna público que no prazo de cinco dias úteis contados a partir da data de sua publicação, poderão ser feitas, através de requerimento dirigido à presidência deste Regional, as inscrições dos Juízes de Direito das comarcas de Nova Cruz (12° zona), Mossoró (33° zona) e Caicó (45° zona) interessados em concorrer à vaga de juiz eleitoral das respectivas zonas eleitorais para o biênio 2014/2016.

Os editais foram publicados no DJE do dia 15/04/2014 e é motivado pelo término do biênio dos juízes Ricardo Henrique de Farias, José Herval Sampaio Júnior e Luiz Antônio Tomaz do Nascimento, que estão previstos para os dias 1° de julho, 07 de maio e 14 de maio de 2014, respectivamente. O prazo para encerramento das inscrições é até às 19 horas do dia 28 de abril, segunda-feira.

Valor do salário mínimo poderá chegar a R$779,79 a partir de 2015

O salário mínimo, em 2015, será de R$ 779,79 – aumento de 7,71% em relação a este ano. Essa é a proposta do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO), apresentada nesta terça-feira (15/4) pelos ministérios do Planejamento e da Fazenda. A previsão do governo é de alta de 3% no Produto Interno Bruto (PIB) do próximo ano.

Apesar do pessimismo do mercado e do aumento das projeções de inflação para 2014 e 2015, a equipe econômica da presidente Dilma Rousseff vai na contramão e estima que o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) terá variação de apenas 5% em 2015.